AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

Notícias


Categorias

Espetáculo ‘Tempo de Águas’ tem grandes atuações e história envolvente

Peça foi realizada gratuitamente nesta sexta (11) por incentivo da Secretaria Municipal de Cultura

Publicado em: 11/08/2017 22:15:31

Um show de interpretação, maquiagem, roteiro e figurino. Assim pode ser definido o espetáculo 'Tempo de Águas', encenado na noite desta sexta-feira (11) pelo Grupontapé de Teatro na sede da companhia. O enredo, que prende o espectador do início ao fim, foi apresentado gratuitamente ao público da cidade graças ao incentivo da Secretaria Municipal de Cultura, no intuito de fomentar as artes cênicas do município e comemorar o aniversário de Uberlândia.

A história é protagonizada pelas atrizes consagradas de Uberlândia Katia Bizinotto e Katia Lou. A peça conta a história de duas mulheres, uma velha e a outra jovem que, confinadas, refletem sobre a condição de suas vidas em meio a atritos e entendimentos. Um encontro inesperado que traz à tona revelações de um universo feminino, sobretudo, humano. 

O trabalho é uma representação do texto da dramaturga argentina Patrícia Zangaro. No Brasil, apenas o Grupontapé conseguiu o direito da interpretação da obra. Para isso, uma grande equipe foi responsável por pensar cada mínimo detalhe da produção. A direção e concepção artística, por exemplo, ficou por conta de Inês Peixoto, reconhecida nacionalmente por suas atuações em novelas, filmes e peças.

Reflexão em cada frase

Conforme um dos diretores do Grupontapé, Rubem dos Reis, o espetáculo é feito para provocar reflexão a cada palavra. “É um teatro contemporâneo. É preciso prestar atenção a cada fala, pois tudo é pensado e tudo pode conter diferentes sentidos”, explicou.

O diretor também ressalta que a história tem sutilezas que exigem uma proximidade entre público e atrizes, de modo que é mais propício a ser realizado em pequenos palcos. “Todo o trabalho da atriz, de expressões, gestos e falas, é importante para o contexto da obra”, afirmou.

Apesar do conteúdo denso, Rubem acredita no sucesso da peça não só em Uberlândia, mas em diferentes regiões do Brasil. “Já está circulando projetos para apresentarmos em outras cidades, como já está certa nossa participação na curadoria do Museu da Pampulha em 2018. É um espetáculo que vai levar o nome de Uberlândia”, frisou.

Peça continua nos próximos dias

Esta é a segunda temporada do espetáculo na cidade. A primeira foi no começo deste ano e conseguiu críticas positivas dos espectadores. Depois da reestreia gratuita desta sexta-feira, a peça continua em cartaz neste sábado (12) e domingo (13). No próximo fim de semana, nos dias 19 e 20 de agosto, a temporada faz a sua despedida. As sessões são sempre às 20h.

Os ingressos têm valor de R$20 a inteira e R$10 a meia e podem ser adquiridos na bilheteria da Escola Livre do Grupontapé de Teatro, na rua Tupaciguara, 471, bairro Aparecida. As vendas começam 1h antes do início do espetáculo.

Compartilhe:

Prefeitura de Uberlândia

AV. ANSELMO ALVES DOS SANTOS, 600 - SANTA MÔNICA - CEP: 38408-150 - Serviço de Informação Municipal (SIM): (34) 3239-2800 / PABX: (34) 3239-2444

Atendimento ao público: Segunda à sexta-feira das 12h às 17h.