AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

Notícias


Categorias

Sistema financeiro da PMU será modernizado no próximo fim de semana

Para implantação do novo software, plataforma de atendimento não estará aberta ao público nesta sexta-feira (17); emissão de guias e taxas (virtuais e presenciais) será interrompida até a próxima segunda-feira (20)

Publicado em: 13/11/2017 16:22:59

A Prefeitura de Uberlândia tem investido em modernização. Para dar mais um passo importante neste sentido, a atual gestão fará a migração do sistema da Secretaria Municipal de Finanças para um novo software entre os dias 17 e 20 de novembro. Para o processo, que vai aumentar a eficácia do Executivo municipal, será necessário interromper a emissão de taxas e guias oferecida virtualmente e presencialmente durante os quatro dias. Também devido à troca do sistema de gestão, a plataforma de atendimento não será aberta ao público na sexta-feira (17).

Na prática, a interrupção deixará inoperante os serviços financeiros disponibilizados pelo portal da Prefeitura no período, como a emissão ou retirada de segunda via de tributos e taxas municipais, as consultas e os requerimentos, por exemplo. A exceção será o sistema da Nota Fiscal Eletrônica (NFS-e), que tem independência e funcionará normalmente no período. As emissões de guias presenciais nas secretarias da Prefeitura também estarão suspensas. Todos os serviços voltarão ao funcionamento normal na terça-feira (21), a partir das 12h.

Operação inicia na plataforma de atendimento

Especificamente no dia 17 de novembro (sexta-feira), está programado também o fechamento da plataforma de atendimento do Centro Administrativo. Ou seja, devido ao processo de migração do sistema, nenhum atendimento no local será realizado neste dia. Aquele contribuinte que tem alguma pendência com a prefeitura, com prazo para vir até o Centro Administrativo e solucioná-la, poderá comparecer na plataforma no próximo dia 21 de novembro (terça-feira). O atendimento ocorrerá sem ônus em consideração à paralisação necessária.

Software novo

O novo sistema que entrará em operação após a migração, segundo explica o secretário municipal de Finanças, Henckmar Borges, irá aumentar a eficiência do Executivo.“A novidade traz vários módulos com novas funcionalidades que, anteriormente, o poder público não tinha acesso. Esse aprimoramento garantirá à prefeitura a capacidade de cruzar dados locais dos contribuintes com outras plataformas, por exemplo.Em resumo, podemos dizer que o sistema garantirá uma maior organização das informações locais, diminuindo margens deerro e aumentando a efetividade do Município”, explicou.

Investimento e avanço

O novo programa adquirido pelo Município chama-se Sistema Integrado de Administração Tributária Municipal (Siat). Cerca de R$12,3 milhões foram investidos no software - que foi desenvolvido pela DSF Inteligência Tributária Municipal e customizado pelo Processamento de Dados de Uberlândia (Prodaub).

Os recursos utilizados são do Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos (PMAT) financiado em Uberlândia pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O novo software substituirá, na prática, o que é utilizado pelo Município desde 1999 e que teve a última atualização realizada em 2003. “É um avanço que estamos implantando dentro do programa Gestão Total, que foi estabelecido pelo prefeito Odelmo Leão no início deste ano. A Prodaub participou da customização, moldando e tornando o programa mais prático às nossas necessidades específicas”, explicou o diretor-presidente da Prodaub, Reginaldo Mendes. Segundo Mendes, o programa estará ligado também diretamente ao georreferenciamento e geoprocessamento realizado na cidade por meio do PMAT.

SECOM

Compartilhe:

Prefeitura de Uberlândia

AV. ANSELMO ALVES DOS SANTOS, 600 - SANTA MÔNICA - CEP: 38408-150 - Serviço de Informação Municipal (SIM): (34) 3239-2800 / PABX: (34) 3239-2444

Atendimento ao público: Segunda à sexta-feira das 12h às 17h.