AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

Notícias


Categorias

‘Escola da Inteligência’ encerra atividades de 2017 das escolas rurais da cidade com festa

Treze escolas municipais desenvolveram os projetos por meio de uma parceria entre prefeitura, Institutos Algar e Hortense

Publicado em: 08/12/2017 09:50:40

Aconteceu na noite desta quinta-feira (7), o encerramento do projeto ‘Escola da Inteligência’, uma parceria entre a Prefeitura de Uberlândia, Instituto Hortense e Instituto Algar. A cerimônia aconteceu no Centro Municipal de Estudos e Projetos Educacionais Julieta Diniz (Cemepe) e contou com a presença do fundador e presidente do Instituto Hortense, Léo Chaves, além de toda a equipe de docentes das escolas rurais. 

Com muita música e intervenções cênicas, o evento foi realizado para apresentar resultados do projeto trabalhado, além de garantir a continuidade no ano de 2018. Durante os seis meses de execução, cerca de 12 mil pessoas foram impactadas direta ou indiretamente pelo projeto, que trabalhou com alunos, professores, familiares e comunidade próximas as 13 escolas rurais do município.

Para Viviane Oliveira Alves, professora da Escola Municipal Emílio Ribas, a ‘Escola da Inteligência’ proporcionou uma maneira de elevar a autoestima das crianças de uma maneira diferente. “Utilizei os ensinamentos com crianças da educação infantil e achei fantástico. As crianças se interessaram muito por todas as atividades. O lúdico foi embasamento de todo o processo. Foi uma oportunidade de ajudar os alunos e, ao mesmo tempo, trabalhar a nossa mente”, contou.

Segundo a secretária de Educação, Célia Tavares, uma avaliação do projeto foi feita recentemente com resultados positivos. “O projeto trabalha com as relações interpessoais e a autoestima. Tanto os alunos quanto os pais adoraram participar da ‘Escola da Inteligência’ o e a nossa ideia é expandir o atendimento para as demais escolas da rede”, explicou.

Instituto Hortense

Em 2016, o fundador e presidente do Instituto Hortense, Léo Chaves, tinha como objetivo capacitar professores da rede pública de ensino e instituições para aplicar a metodologia da Inteligência Emocional, desenvolvida pelo escritor Augusto Cury. Como esse trabalho é acessível apenas a algumas escolas particulares, sua meta foi fazer com que o ensino chegasse para jovens entre 4 e 15 anos, de maneira gratuita.

O programa é composto por produtos e serviços (incluindo um kit específico de material gráfico para alunos, pais e professores), o que potencializa a aprendizagem de forma significativa. Segundo a gerente administrativa do instituto, a execução do projeto superou as expectativas. “Fomos bem recebidos e foi fantástico o envolvimento de todos. Isso faz crescer ainda mais a nossa vontade de ampliar o projeto para 2018. É necessário dar continuidade aos ensinamentos e continuar sempre melhorando nosso trabalho”, afirma Fernanda Van Ass Matter.

A Escola da Inteligência

Vinda de Ribeirão Preto e criada pelo Dr. Augusto Cury, a Escola da Inteligência leva para as escolas o desenvolvimento dos códigos da inteligência. Durante o curso, foi desenvolvido habilidades sócio-emocionais nos professores e nas crianças, para que seja possível lidar melhor com os problemas e desafios da vida.

Instituto Algar

Há 15 anos o Instituto Algar desenvolve programas educacionais, que tem como objetivo capacitar professores e alunos de escolas públicas. “Esse é o encerramento de um ciclo, mas a nossa proposta é dar continuidade a ele. Queremos ter um impacto efetivo na vida dessas crianças e famílias, o caminho é longo mas vamos juntos melhorando a cada momento”, conta Carolina Rodrigues, coordenadora executiva do Instituto Algar.

Compartilhe:

Prefeitura de Uberlândia

AV. ANSELMO ALVES DOS SANTOS, 600 - SANTA MÔNICA - CEP: 38408-150 - Serviço de Informação Municipal (SIM): (34) 3239-2800 / PABX: (34) 3239-2444

Atendimento ao público: Segunda à sexta-feira das 12h às 17h.