AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

Notícias


Categorias

Campanha de vacinação antirrábica inicia na próxima semana na zona rural

Expectativa é que mais de 80 mil animais sejam imunizados até agosto

Publicado em: 10/07/2018 16:07:26

Mais de 80 mil animais protegidos. Essa é a expectativa da Secretaria Municipal de Saúde para a 34ª edição da Campanha de Vacinação Antirrábica, que inicia na próxima terça-feira (17), na zona rural do município. Até o dia 10 de agosto, equipes do Programa de Controle da Raiva, do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), percorrerão os quatro distritos do município, das 7h30 às 17h30.

Para este ano, a expectativa é que a campanha alcance resultados semelhantes àqueles conquistados em 2017 pelo Município, quando 85.567 animais foram imunizados, atingindo 84,6% de cobertura vacinal. Em 2018, a expectativa é alcançar ao menos 80%, conforme a meta preconizada pelo Ministério da Saúde.

“Acredito que sempre podemos ampliar este número. Em 2017, já superamos a meta estabelecida e contaremos com mais de 220 profissionais para manter este controle preventivo. Serão sete equipes na zona rural, que serão distribuídas nas regiões dos distritos de Tapuirama, Cruzeiro dos Peixotos, Martinésia e Miraporanga”, adiantou a coordenadora do Programa de Controle de Raiva no município, Lilian Vieira de Andrade.

Envolvimento social

Para manter a eficiência dos trabalhos na zona rural, a coordenadora reforça que a colaboração dos proprietários é fundamental. “Pedimos o apoio dessas pessoas, para que possam liberar a entrada de suas propriedades para nossos profissionais, que estarão devidamente uniformizados. A comunicação também facilita, para que os agentes tenham o controle dos locais. Para isso, basta entrar em contato pelo 3213-1470 e solicitar a visita das equipes”, ressaltou.

Melhor caminho é a prevenção

As principais formas de transmissão da raiva são lambeduras, mordeduras, arranhaduras e secreções de animais contaminados. O problema atinge principalmente o sistema nervoso central de animais infectados pelo vírus transmissor, provocando agressividade repentina e dificuldade em ingerir alimentos ou água.

Por se tratar de uma doença que não tem cura, a morte acontece em até sete dias após a manifestação dos sintomas. Por isso, a prevenção é fundamental, e a vacinação é melhor forma de fortalecer este combate. “Devem receber a dose cães e gatos com mais de três meses de vida, com exceção daqueles que estejam doentes ou no período de gestação ou lactação”, lembrou Lilian.

Ações na zona urbana

Iniciada nesta terça-feira (17), a campanha de vacinação antirrábica se estende até o dia 10 de agosto, enquanto na zona urbana, os trabalhos se estenderão do dia 18 de agosto até 25 do mesmo mês.

Trabalho contínuo

As ações do Programa de Controle da Raiva acontecem permanentemente durante todo o ano, com orientações, trabalhos de bloqueio e monitoramento do vírus, além de um posto de vacinação no CCZ. Um conjunto de fatores que deixa Uberlândia há mais de 30 anos sem registros da doença em cães e gatos. Ainda assim, a participação de todos é fundamental, inclusive para preservar os índices positivos em humanos.

Ao ser ferido por qualquer animal, é fundamental que a pessoa recorra a ajuda médica. “Contamos com a unidade de referência no município, que é a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Martins, onde todas as medidas necessárias são adotadas nestes casos”, informou.

SECOM

Compartilhe:

Prefeitura de Uberlândia

AV. ANSELMO ALVES DOS SANTOS, 600 - SANTA MÔNICA - CEP: 38408-150 - Serviço de Informação Municipal (SIM): (34) 3239-2800 / PABX: (34) 3239-2444

Atendimento ao público: Segunda à sexta-feira das 12h às 17h.