AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

Notícias


Categorias

Festival de Dança do Triângulo reúne candidatos de vários cantos do país

Com recorde de inscrições, seleção foi concluída nesta sexta-feira (24), na Oficina Cultural

Publicado em: 24/08/2018 16:32:33

Salvador (BA), Brasília (DF), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), São Bernardo do Campo (SP). Com 206 inscrições de vários cantos do país, a 26ª edição do Festival de Dança do Triângulo alcançou, em 2018, o dobro de candidatos em relação ao ano passado. Artistas amadores e profissionais que, durante toda a semana, tiveram seus vídeos conferidos por uma banca examinadora, composta por renomados especialistas do país. A seleção foi concluída nesta sexta-feira (24), com uma roda de conversas na Oficina Cultural.

Do Palácio das Artes, em Belo Horizonte, passando pelo Teatro Castro Alves, em Salvador, até o Morgen Post, em Hamburgo, na Alemanha, o diretor e coreógrafo Mário Nascimento, especialista em balé contemporâneo, foi um dos indicados pela Comissão Permanente de Concepção e Planejamento do festival. Ele destacou aquilo que viu em Uberlândia.

“Acredito que este é o evento mais importante do país no que diz respeito ao papel social que cumpre, pois dá a possibilidade para essa discussão, unindo tanto o amador quanto o profissional. É a capacidade que a arte tem de inserir pessoas que não teriam essa oportunidade em um novo contexto, que está acima da dança”, disse.

Democratização da arte

Para a professora Monah Souad, especialista em danças étnicas, a seleção abriu ainda mais as possibilidades para se fazer dança de forma democrática. “É muito importante, principalmente pela abertura não apenas às academias, companhias, mas também gente que se uniu com esforço de enviar seus vídeos e mostrar a arte de cada um”, afirmou.

Durante quatro dias, Mário Nascimento e Monah Souad dividiram a banca com o bailarino Vinícius Anselmo, reconhecido internacionalmente por trabalhos na França, Alemanha e Estados Unidos. “Fiquei muito feliz de perceber essa vontade de fazer acontecer. Acho que o festival está cumprindo muito bem esse papel, trazendo também especialistas, além das oficinas, com uma forma prática deles saberem aonde podem chegar”, relatou.

Programação continua

Ao todo, 86 candidatos tiveram suas coreografias aprovadas para o evento, entre profissionais, amadores e infantis. Com o lema “Encontros: razão, emoção e cena”, o 26º Festival de Dança do Triângulo acontece de 16 a 21 de outubro em vários pontos de Uberlândia. Ainda assim, a programação continua.

Neste sábado (25), acontece uma oficina gratuita com Wanda Bambirra, que irá trazer para a Oficina Cultural sua metodologia própria de ensino de balé infantil. Com vagas abertas, as atividades serão divididas das 9h às 19h para professores, e a partir das 11h para crianças de três a nove anos.

“Tivemos uma semana de grandes trabalhos, com a sala Roberto Rezende de portas abertas na Oficina Cultural, e queremos de uma forma extremamente pedagógica, fazer com que a categoria de dança tenha mais conhecimento e inovação para ser transmitida aos alunos”, destacou.

Palcos Livres

Além das apresentações no Palco Italiano do Teatro Municipal, o festival terá, mais uma vez, a modalidade Palcos Livres. Bailarinos independentes ou grupos de dança interessados em se apresentar podem se inscrever até 19 de setembro. Ao todo, quatro locais da cidade receberão as apresentações relativas à modalidade. O edital pode ser visto aqui.

SECOM

Compartilhe:

Prefeitura de Uberlândia

AV. ANSELMO ALVES DOS SANTOS, 600 - SANTA MÔNICA - CEP: 38408-150 - Serviço de Informação Municipal (SIM): (34) 3239-2800 / PABX: (34) 3239-2444

Atendimento ao público: Segunda à sexta-feira das 12h às 17h.