•  
  •  
  •  

    Fios do Cerrado - Centro de Tecelagem


     
    Endereço: Av. Francisco Galassi, 855, Bairro Patrimônio
    Telefone: (34) 3238-7667
    Horário de funcionamento: 7h as 18h
    • Missão: Valorizar e cultivar a beleza da arte do tear, uma história milenar que com carinho e investimento, tem rompido barreiras da modernização para que gerações possam conhecer o passado com novo olhar para o futuro.
    • Visão: Ser referência em cultura e turismo em Uberlândia e região.
    • Valores: Respeito, preservação, compromisso e resgate da autoestima

    Sobre o Fios do Cerrado - Centro de Tecelagem

    O Fios do Cerrado - Centro de Tecelagem é mantido pela Fundação Cultural e Assistencial Filadélfia, entidade civil, sem fins lucrativos, criada com a finalidade de apoiar e promover a arte milenar de fiar e tecer manualmente, tapetes, almofadas, colchas, mantas, xales, painéis e outros.

    O Fios do Cerrado - Centro de Tecelagem é um projeto social, cultural e educacional, que visa oferecer oportunidade de emprego às tecelãs e fiandeiras da terceira idade. Localizado no bairro Patrimônio, em uma área de 1.200m², fundado em 1993, o Centro de Tecelagem recebe diariamente a visita de turistas vindos de várias partes do país e do mundo, além de alunos da escolas públicas e particulares da cidade e região e estudantes do Ensino Superior.

    Os desenhos geométricos, assimétricos, coloridos e únicos, são criações anônimas de aprendizes e mestras que, com a agilidade das mãos revelam a sabedoria de um tempo em que fiar, cardar e tecer eram atividades vinculadas à sobrevivência familiar. Na comunhão deste passado, a produção doméstica estava intimamente relacionada ao fio da vida, às suas necessidades, e aos seus sentimentos.

    Através dos nomes dos pontos utilizados por estas artistas, percebe-se a marcação do sentido de suas vidas. Liso ou pisados, os repassos denominados Laranja Partida, Olho de Santa Luzia, Tamborete ou Dama Pequena, dentre outros, são nomes significativos que permitem pensar a rotina de quem se dedica à arte da fiação. O tingimento dos fios feito de forma natural com urucum, anil, barbatimão, sangra d'água ou ferrugem, resguardam a história de um cotidiano pontuado pelo trabalho, fé e otimismo de comunidades em que a natureza contribuía e decidia na criação dos teares. As cores da "coleção", as flores do tecido, liso, vazado ou coxonilho, estavam em compasso com as estações do ano, com penduar do milho, o florescer do ipê amarelo e as flores do cerrado.

    Em São Pedro de Uberabinha, (Uberlândia), até princípio do século XX é difícil separar campo e cidade. Os passos e repassos da arte de fiar tecem memórias e fragmentos de histórias reveladoras de hábitos e costumes, em que a convivência e as sociabilidades se faziam também pelos trabalhos em grupo como a fiação, mutirão ou tradição. Este projeto é subvencionado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação.

    Endereço: Avenida Francisco Galassi, 855 - Bairro: Patrimônio
    Telefone: (34) 3238-7667



      Av. Anselmo Alves dos Santos, 600 - Santa Mônica
      CEP: 38408-150 Fone: (34) 3239-2444