Notícias

Seleção brasileira vence e se classifica para Olimpíadas de Tóquio

Prefeito Odelmo Leão compareceu à Arena Sabiazinho e participou da premiação às vencedoras
5 de agosto de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A Arena Sabiazinho viveu um momento histórico neste sábado (3), com a classificação do Brasil para as Olímpiadas de Tóquio, em 2020. A vaga veio após vitória no tie-break contra a seleção da República Dominicana, em partida válida pelo Torneio Pré-Olímpico de Vôlei Feminino, realizado em Uberlândia entre 1º e 3 de agosto. O prefeito Odelmo Leão prestigiou o evento e participou da premiação às atletas.

O Brasil venceu os dois primeiros sets, por 25 a 22 e 25 a 19, mas perdeu os dois seguintes, por 25 a 23 e 25 a 18. No tie-break, incentivadas pelos torcedores que lotaram a Arena Sabiazinho, as donas da casa fizeram 15 a 10 e fecharam o jogo.

Anteriormente a seleção já havia vencido Camarões (no dia 1°, por 3 sets a 0) e Azerbaijão (no dia 2, por 3 sets a 2).

Premiação

Logo após a partida decisiva, o prefeito Odelmo Leão, acompanhado por dirigentes da Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV) e da Federação Mineira de Vôlei (FMV), entregou à seleção um boneco que representa o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Ele ainda cumprimentou as atletas e a comissão técnica do Brasil e recebeu uma placa de homenagem da CSV e FMV no intervalo entre o primeiro e o segundo set.

Após o jogo, a seleção foi bastante aplaudida pelos torcedores. “Receber esse apoio foi essencial, principalmente porque sabíamos que seria um jogo difícil. Só temos a agradecer a recepção que tivemos em Uberlândia, cidade que tem pessoas muito alegres, carinhosas e fundamentais para a nossa classificação para as Olimpíadas”, disse a levantadora Macris.

Amor ao vôlei

Em todo o mundo, apenas seis cidades foram escolhidas para sediar o Pré-Olímpico, sendo elas Uberlândia (Brasil), Ningbo (China), Shreveport-Bossier City (Estados Unidos), Catânia (Itália), Breslávia (Polônia) e Kaliningrado (Rússia).

Isso demonstra a excelente estrutura do município, em especial da Arena Sabizinho, e o amor do uberlandense pelo vôlei. Prova disso é que a partida desse sábado (3) reuniu moradores de vários bairros da cidade e de diversas faixas etárias. “É uma grande honra para todos nós vermos Uberlândia sediar uma competição tão importante, ainda mais com a classificação do Brasil para as Olimpíadas”, disse Pedro Silva de Oliveira, de 66 anos, morador do bairro Custódio Pereira.

“Gostei muito de assistir ao jogo e fico bastante feliz em ver nossa cidade realizar um evento internacional tão importante”, completou Murilo Rodrigues, de 12 anos, morador do bairro Umuarama. 

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
All articles loaded
No more articles to load

Destaques

Veja Também

All articles loaded
No more articles to load