Notícias

Dmae e Fazendinha Águas Vivas renovam parceria para atender mais de 3 mil crianças

Estudantes da Escola Eugênio Pimentel Arantes abriram a temporada de visitas no espaço
7 de agosto de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) renovou a parceria com a Fazendinha Águas Vivas. Com isso, aproximadamente 3 mil crianças serão beneficiadas com o projeto, participando de visitas guiadas a um espaço ecológico localizado próximo à Tenda do Moreno. A expectativa é que 104 visitas ocorram até meados de 2020. Nesta quarta-feira (7), os estudantes da Escola Municipal Eugênio Pimentel Arantes, no bairro Morumbi, abriram a temporada de atividades. A iniciativa, neste segundo semestre, integra as ações do Programa Social Água Vida.

No local, as crianças têm contato direto com a vida no campo e aprendem sobre a importância da preservação ambiental por meio do acompanhamento dos monitores do Programa Escola Água Cidadã (Peac), vinculado à autarquia. Os alunos também ganham mochila de costas, copo e uma revistinha educativa. Já o lanche é fornecido pela fazendinha.

No ano passado, 3.227 crianças de escolas públicas visitaram o local. De acordo com o vice-prefeito e diretor do Dmae, Paulo Sérgio Ferreira, as crianças acompanham os hábitos dos animais, aprendem sobre formas sustentáveis de consumo e preservação dos recursos hídricos. “A ideia é despertar nos estudantes a preocupação com o meio ambiente a partir deste contato direto com a natureza”, explicou.

O proprietário da fazendinha, Marcos Casassanta, ressaltou que a renovação do contrato é mais um passo para consolidar o pioneirismo de Uberlândia na educação ambiental, a exemplo do saneamento básico. “Esta parceria, que vai para o segundo ano, proporciona, principalmente às crianças de escola pública, vivenciar na prática as ações de preservação ambiental”, disse.  

Estrutura

Entre os detalhes da vida no campo, as crianças conhecem o paiol, onde ficam guardados equipamentos e os alimentos de animais domésticos, como pônei, cabra, aves, porco e coelho. Também visitam um quarto com o colchão de palha; cozinha com panelas de ferro e fogão à lenha; banheiro com chuveiro de balde e uma mercearia antiga, conhecida como vendinha.

Desde o ano passado, o espaço também abriga um viveiro de reabilitação de animais silvestres apreendidos pela Polícia Militar de Meio Ambiente – resultado de uma parceria com o Ministério Público Estadual. Animais resgatados como ouriço e tamanduás, além de aves como trinca ferro, sabiá, são abrigados durante o período de recuperação para em seguida serem devolvidos à natureza. 

Educação Ambiental

O Programa Escola Água Cidadã (Peac) desenvolve atividades de educação ambiental há mais de 15 anos. Neste ano, já foram realizados 9.062 atendimentos em escolas, empresas e à comunidade. Para agendar visitas ou participar de outras atividades, as escolas e instituições podem entrar em contato pelo telefone 3233-2567 ou pelo e-mail escolaaguacidada@uberlandia.mg.gov.br.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também