Notícias

Comissão seleciona espetáculos do 27º Festival de Dança do Triângulo

Ao todo, 146 espetáculos ficaram acima da nota de corte e passaram para o processo de entrega de documentação
9 de agosto de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A 27ª edição do Festival de Dança do Triângulo já tem as coreografias selecionadas para as apresentações. Ao todo, 70% dos trabalhos ficaram acima da nota de corte e agora passaram para o processo de entrega de documentação. Os grupos aprovados têm até dia 2 de setembro para levar a documentação na Secretaria Municipal de Cultura para estarem aptos a se apresentarem.

Por meio do olhar crítico dos coreógrafos e dançarinos Zeca Rodrigues (Cubatão-SP), Fabrício Dabke (Rio de Janeiro – RJ) e Jamerson Lima (Caldas Novas-GO), o público poderá curtir o melhor do balé de repertório, balé, dança moderna, dança contemporânea, dança de salão, danças urbanas, danças étnicas, sapateado, jazz e dança de composição livre.

Após cinco dias de análise dos materiais enviados para apreciação, o trio de especialistas de renome nacional aprovou 146 coreografias de um total de 209 enviadas. Cada grupo inscrito irá receber o parecer da comissão, bem como a nota recebida.

“Temos percebido que, com o feedback dos avaliadores, a qualidade tanto dos trabalhos inscritos quanto do espetáculo no palco aumenta consideravelmente. A classe está se dedicando, aprimorando-se mais para trazer mais qualidade. Com certeza será uma edição inesquecível”, destacou a coordenadora do setor de dança da pasta, Ananda da Costa Viana.

Ao todo, foram 81 coreografias selecionadas para Mostra Amadora, 22 para Mostra Profissional, 33 para Mostra Infantil, uma para Intervenção e 9 trabalhos acima da nota de corte para mostra de espetáculo.

O Festival

Com a temática “Expressões artísticas com olhar social”, o 27º Festival de Dança do Triângulo explora uma programação envolvendo profissionais de renome nacional e regional, com a execução de oficinas gratuitas, mostras de dança, palcos livres e intervenções.

“Esse ano o festival vem fortemente com uma característica das oficinas pedagógicas de longa duração em pontos diferentes da cidade, abrangendo diversos públicos. Estamos com uma expectativa muito boa. Houve um número grande inscrições de vários locais do nosso país”, destacou a secretária municipal de Cultura, Monica Debs.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também