Notícias

Ceais se preparam para a Olimpíada do Idoso

Evento acontece nesta quinta-feira (24) no Estádio Airton Borges a partir das 8h
22 de outubro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Marco Crepaldi/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Uma mistura de alegria, integração, ansiedade, muito treino e dedicação. Esse é o espírito que toma conta dos quatro Centros Educacionais de Assistência Integrada (Ceais) nos últimos dias de treino para a 9ª edição da Olimpíada do Idoso. O evento acontece nesta quinta-feira (24) no Estádio Airton Borges. 

O evento é promovido pela Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação. A cerimônia de abertura começa às 9h com a condução da tocha por um representante de cada Centro Educacional de Assistência Integrada ao Idoso (Ceai), acendimento da pira olímpica, Coreografia de Bambolê, juramento e o hino nacional na voz do coral dos idosos. 

Após a abertura, terão início as etapas finais da Olimpíada, nas modalidades cestobol (feminino e masculino), tênis de mesa (feminino e masculino), sinuca (feminino, masculino e duplas), dominó (misto), truco (misto), dama (misto), boliche (misto), bocha (misto) e chute a gol (misto). Participam mais de 80 idosos vencedores das etapas classificatórias dos quatro Ceais da cidade, de um total de mais de 800 idosos inscritos.

Marco Crepaldi/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Selecionada para competir no boliche pelo Ceai Laranjeiras, Maria Helena Claudina, de 70 anos, não conteve a animação. “Estou adorando, estou amando. Vou desfilar com o bambolê, apesar de ter um pouco de vergonha, e vou competir no boliche também. Estou amando, está me fazendo muito bem. Ganhando ou perdendo, estou muito feliz”, contou. 

Marco Crepaldi/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Cada Ceai será representado por uma cor: amarelo (Ceai I – Rondon), azul (Ceai II – Laranjeiras), verde (Ceais III – Luizote) e rosa (Ceai IV – Guarani). “Isso muda a rotina do Ceai. É como se fosse uma explosão de animação, de alegria, de força de vontade e de superação”, comentou Wasley Rodrigues Santos, diretor de Proteção Básica ao Idoso e Deficiente. 

A Olimpíada do Idoso foi instituída na segunda administração do prefeito Odelmo Leão. “Desde a sua criação em 2010, a Olimpíada foi criada para promover a prática de atividades que estimulem a socialização, a competição saudável, atendendo a capacidade de concorrer de cada um.”, concluiu a secretária.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também