Notícias

9ª Olimpíada do Idoso promove integração e alegria a frequentadores dos Ceais

Evento aconteceu hoje (24) pela manhã e foi promovido pela Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação
24 de outubro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

 Uma manhã cheia de alegria e torcida. Nesta quinta-feira (24), o espírito de integração tomou conta do estádio Ayrton Borges durante a 9ª edição da Olimpíada do Idoso. O tradicional evento é realizado pela Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação. Centenas de frequentadores dos quatro Centros Educacionais de Assistência Integrada ao Idoso  (Ceais) estiveram presentes para participar das finais das modalidades e torcer.

“O mais importante é ver a alegria estampada no rosto desses idosos aqui hoje. É para isso que a gente trabalha e realiza não só as Olimpíadas do Idoso, mas diversas outras atividades”, relatou a secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação, Iracema Marques.

Cerimônia de encerramento

A cerimônia de encerramento da Olimpíada do Idoso contou com o hino nacional, cantado pelas vozes do Coral do Idoso, desfile da Fanfarra e uma apresentação de bambolês protagonizada pelas frequentadoras dos Ceais. Após isso, houve a condução da tocha e a pira olímpica foi acesa por Valentina Costa Pereira, frequentadora do Ceai II, no Laranjeiras.

“Amanhã eu completo 89 anos e para mim foi um presentão acender a pira olímpica. Foi muito emocionante, nunca imaginei que seria tanto. Frequentar o Ceai está sendo muito bom para mim. Em razão da idade, ter essa oportunidade de lazer é tudo para mim. Eu não falto um dia sequer e faço todas as atividades que posso”, relatou.

Como incentivo ao envolvimento nas atividades, os mais de mil idosos que participaram das olimpíadas, desde as seletivas até a final, receberam um kit composto por boné, squeezecamiseta e medalha de participação.

A Olimpíada do Idoso

Os preparativos para a competição se iniciaram há cerca de quatro meses, quando mais de mil participantes dos quatro Ceais (Rondon, Laranjeiras, Luizote e Guarani) escolheram suas modalidades e começaram a treinar para participar das seletivas.

A final acontece sempre em outubro, o mês do idoso. Neste ano contou com diversas modalidades: cestobol (feminino e masculino), tênis de mesa (feminino e masculino), sinuca (feminino, masculino e duplas), dominó (misto), truco (misto), dama (misto), boliche (feminino e masculino), bocha (feminino e masculino) e chute a gol (feminino e masculino).

Ao final da competição foi realizada a entrega das medalhas de ouro, prata e bronze para cada modalidade. Os quatros Ceais foram premiados com troféus, de acordo com a somatória dos pontos de cada categoria. Neste momento, também foi computada a pontuação por torcida mais animada.

“Participo há muitos tempo do Ceai Rondon e, neste ano, competi nas Olimpíadas no chute a gol, cestobol e boliche. Estou muito contente com o movimento”, relatou Sivaldu Roberto, de 70 anos.

Confira a classificação geral dos Ceais:

Troféu 1º lugar:
Ceai I – Rondon

Troféu 2º lugar:
Ceai III – Luizote

Troféu 3º lugar:
Ceai II – Laranjeiras

Troféu 4º lugar
Ceai IV – Guarani

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também

All articles loaded
No more articles to load