Notícias

Mateus Carvalho busca vaga individual na bocha para os Jogos de Tóquio

Paratleta disputa a partir dessa quarta (30) o Boccia World Open, em Portugal
29 de outubro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O paratleta Mateus Carvalho e o calheiro Oscar Carvalho, da equipe CDDU/Futel, já estão em Póvoa de Varzim, Portugal, para disputar o Boccia World Open, competição que será disputada entre os dias 30 deste mês e 4 de novembro. Os uberlandenses foram convocados para integrar a Seleção Brasileira, que conta, no total, com oito paratletas, três calheiros, um coordenador, três técnicos, um preparador físico e um fisioterapeuta.

A competição reúne seleções de todo mundo e é uma oportunidade para que Mateus Carvalho busque uma vaga na bocha individual nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, em 2020. “Para isso, é necessário que ele tenha um bom desempenho na competição, pois os dez melhores no ranking internacional têm vaga garantida nos jogos, e hoje o Mateus ocupa a 11ª posição”, explica o calheiro Oscar Carvalho, pai de Mateus.

O paratleta também poderá competir nos Jogos Paralímpicos de Tóquio na modalidade de bocha em equipe, já que a seleção brasileira garantiu, no início do mês, nove vagas para os Jogos Paralímpicos de Tóquio. “As vagas são destinadas aos paratletas mais bem colocados no ranking, portanto, se eu continuar com bons desempenhos nas competições, tenho grandes chances de ocupar uma delas”, ressaltou Matheus.

Ele também falou sobre sua expectativa para o Boccia World Open. “Espero fazer um bom campeonato, para que assim possamos aumentar a nossa pontuação no ranking mundial e, com isso, tentar garantir mais uma vaga para o Brasil nos jogos de Tóquio em 2020”, completou.

Nos Jogos Parapan-Americanos de 2019, disputados em Lima, no Peru, Mateus conquistou duas medalhas, sendo uma de bronze na bocha individual e uma de ouro por equipe.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também