Notícias

CDDU/Futel é tetracampeã do Brasileiro de Halterofilismo Paralímpico

Equipe obteve 19 medalhas, sendo a maior parte delas de ouro, e quebrou cinco recordes brasileiros
11 de novembro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Com a conquista de 19 medalhas (oito de ouro, sete de prata e quatro de bronze) além de cinco recordes brasileiros, a equipe CDDU/Futel foi tetracampeã do Campeonato Brasileiro de Halterofilismo Paralímpico, do Circuito Loterias Caixa, disputado nesse fim de semana, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. O evento reuniu 20 clubes, de 11 estados, totalizando 104 competidores. A equipe uberlandense – que já havia sido campeã em 2016, 2017 e 2018 – participou com 21 paratletas.

Os recordes brasileiros foram quebrados pelos paratletas Fernanda Teixeira (que levantou 83 kg na categoria “Até 73 kg – Júnior”), Amanda Sousa (que levantou 97 kg na categoria “Até 73 kg”), Maria Rita Martins (que levantou 84 kg na categoria “Até 86 kg”), Mateus Silva (que levantou 213 kg na categoria “Até 107 kg”) e Vinícius Freitas (que levantou 130 kg na categoria “Até 88 kg”).

“Foi um torneio duro e uma das competições mais difíceis que já participamos, pois o primeiro lugar foi muito disputado entre três equipes. Mesmo assim, conquistamos o tetracampeonato, o que é consequência da dedicação e do treinamento intenso por parte dos atletas. Sem dúvida estamos muito felizes com o resultado”, destacou o treinador da CDDU/Futel, Weverton Santos, escolhido como o melhor técnico da competição.

A equipe CDDU/Futel teve outras importantes conquistas no halterofilismo recentemente, como a 3ª Etapa Nacional do Circuito Brasil Loterias Caixa, disputada em setembro, quando obteve 19 medalhas, e os Jogos Parapan-Americanos, em agosto, quando esteve no pódio em cinco oportunidades.  

Desempenho dos paratletas da equipe CDDU/Futel que competiram

Amanda Sousa (prata/recorde brasileiro) – Até 73 kg

Ana Carolina Albino (4º lugar) – Até 86 kg

Ana Lúcia Pandolfi (5° lugar) – Até 67 kg

André Luiz Paz (prata) – Até 80 kg

Ângela Teixeira (ouro) – Até 73 kg

Aparecido Lopes (prata) – Até 88 kg

Camila Pilares (prata) – Até 55 kg

Carlos Miranda (bronze) – Até 49 kg

Caroline Fernandes (prata) – Até 79 kg

Elizete de Araújo (ouro) – Até 79 kg

Fernanda Teixeira (bronze e ouro no júnior/recorde brasileiro) – Até 73 kg

Gabriel de Lima (bronze no júnior) – Até 49 kg

Gilvan Santos (quarto) – Até 107 kg

Lara Lima (ouro e ouro no júnior) – Até 41 kg

Lucas Matheus (8º lugar) – Até 54 kg

Luciano Dantas (ouro) – Até 65 kg

Marcelo Marques (prata) – Até 107 kg

Maria Rita de Oliveira (bronze e prata/recorde brasileiro) – Até 86 kg

Mateus Assis (ouro e ouro/recorde brasileiro) – Até 107 kg

Rafael Vansolin (8º lugar) – Até 88 kg

Vinícius Freitas (prata/recorde brasileiro) – Até 88 kg

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também