Notícias

Prefeitura e 36º BiMec encerram ações sociais conjuntas de 2019

Cerimônia acontece neste domingo (24), às 8h, na sede do Batalhão
22 de novembro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Neste domingo (24), uma solenidade marcará o encerramento das ações sociais promovidas pelo 36º Batalhão de Infantaria Mecanizada (BiMec) em parceria com a Prefeitura de Uberlândia. As iniciativas têm o objetivo de promover melhoria na qualidade de vida e formação cidadã para crianças e adolescentes. O evento acontece às 8h na sede da instituição militar.

Integram as ações os programas “Música na Escola” (desenvolvido na rede municipal), “Escola de Brasilidade” (presente em escolas municipais e estaduais), “Segundo Tempo – Forças no Esporte” (para crianças e adolescentes da cidade) e “Pelotão Esperança” (voltados para escolas municipais). Essas propostas levaram importantes valores e conhecimentos durante todo o ano a mais de 800 crianças e adolescentes de Uberlândia.

Para a secretária municipal de Educação, Tania Toledo, essa é uma das parcerias firmadas em benefício da educação municipal. “É uma parceria que nos enriquece e nos honra muito. Vemos bons resultados e nossos estudantes adoram a experiência nos projetos”, disse.

Saiba mais sobre as iniciativas:

  • Pelotão Esperança: desde 2012, o programa atende as escolas municipais Dr. Gladsen Guerra de Resende, Professora Josiany França (ambas do bairro Canaã) e Freitas Azevedo (bairro Morada Nova). São beneficiadas, com atividades esportivas e educacionais, 45 crianças em condições de vulnerabilidade social, na faixa etária de 9 a 12 anos. Além da Prefeitura, são parceiros na proposta o Rotary Clube, o Instituto Hortense e professoras e estagiárias de instituições de ensino superior.
  • Segundo Tempo – Forças no Esporte: em 2019, foi realizado junto com a Prefeitura, por meio da Fundação Uberlandense de Turismo (Futel), e em parceria com universidades. Pelo programa foram atendidas 230 crianças e adolescentes, com idades entre 7 e 14 anos, prioritariamente em áreas de vulnerabilidade social. Foram oferecidas aulas de iniciação ao esporte, basquete, atletismo e futebol, além de alimentação, uniforme e material esportivo.
  • Programa Escola de Brasilidade: no decorrer do ano, 480 estudantes participaram da proposta, que promove atos cívicos, com o objetivo de despertar valores de civilidade, cidadania, honestidade, responsabilidade e amor à pátria. Faz parte da programação, visita ao batalhão, onde os alunos acompanham uma formatura geral da unidade, hasteiam o pavilhão nacional, cantam o hino nacional, assistem a uma palestra sobre civismo e preservação do meio ambiente. Eles ainda visitam o espaço cultural da unidade e conhecem o Blindado Guarani.
  • Música na Escola: Teve início no segundo semestre de 2017, inicialmente com a formação de um coral, ampliando para a formação de uma bada de música em 2018, após aquisição de instrumentos musicais viabilizada pela Prefeitura. O coral conta a presença de 60 alunos das escolas municipais Josiany França e Gladsen Guerra de Rezende, ambas do bairro Canaã. A banda de música é composta por 40 alunos, estudantes da Escola Municipal Professora Carlota De Andrade Marquez, do bairro Jardim Célia.
Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também

All articles loaded
No more articles to load