Notícias

‘Diversidade+’ inicia cadastro de pessoas com deficiência segunda (16)

Prefeitura de Uberlândia é parceira em projeto que busca ampliar inclusão desse público ao mercado de trabalho local
9 de dezembro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Com a proposta de ampliar o alcance da oferta de emprego e programas de aprendizagem para pessoas com deficiência, o projeto “Diversidade+” inicia na próxima segunda-feira (16) o período de cadastro de quem se enquadra nesse perfil. A iniciativa de empresas da cidade foi lançada na última semana em parceria com a Prefeitura de Uberlândia, o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Compod) e outras instituições. A meta é viabilizar a contratação de ao menos 1 mil pessoas até 2022.

Para fazer o cadastro no banco de talentos do projeto, é preciso acessar o formulário constante na página oficial, diversidademais.com.br, ou no aplicativo para smartphones – que estará disponível para baixar tanto na Apple Store quanto no Google Play a partir de domingo (15). A inscrição no banco de talentos é gratuita para os usuários.

Essa primeira etapa é importante para mapear a demanda existente em Uberlândia por parte das pessoas com deficiência, facilitando o acesso a oportunidades de trabalho e de capacitação gratuita.

Mais oportunidade

Dezesseis empresas locais, das áreas de construção civil, telecomunicações, tecnologia da informação, agronegócio e automóveis, entre outros, integram o projeto. Juntas, elas vão operar um call center para contatar as pessoas com deficiência cadastradas e gerenciar a plataforma com informações sobre cadastros e vagas ofertadas.

A Prefeitura de Uberlândia contribui com a iniciativa por meio das secretarias de Trânsito e Transportes (Settran), Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo (Sedeit), Planejamento Urbano (Seplan) e de Governo e Comunicação.

Além de fornecer informações para a abertura do banco de dados, o Município já autorizou a plotagem sobre o projeto em ônibus do transporte público, a divulgação em todos os pontos de parada de circulares com tv (incluindo o Terminal Central) e a inclusão de informações sobre a proposta nas contas expedidas pelo Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae).

Fique ligado!

O quê: Projeto “Diversidade+”

Onde: acessível pelo diversidademais.com.br e, a partir do dia 15 de dezembro, também em aplicativos para smartphones

Público alvo: Pessoas com deficiência

Objetivo: Oferta de emprego e programas de aprendizagem

Como participar: A partir de segunda (16), basta preencher a pesquisa disponibilizada no site e no aplicativo a partir de domingo (15)

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também