Notícias

Mais de 170 micro e pequenas empresas já são beneficiadas pelo projeto ALI

Prefeitura oferece, junto com Sebrae, consultoria gratuita a micro e pequenos empreendedores; ainda há vagas abertas
9 de dezembro de 2019
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Cleiton Borges/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Ao saber que micro e pequenos empresários de Uberlândia podem receber consultoria gratuita, Leonardo Brune Fernandes Vinhandel não pensou duas vezes e logo se candidatou à oportunidade. Há um mês, ele faz parte dos mais de 170 empreendedores do município que já são beneficiados pelo primeiro ciclo do projeto Agente Local de Inovação (ALI), desenvolvido pela Prefeitura junto com o Sebrae. Ainda existem vagas abertas (veja abaixo como participar).

“A possibilidade de inovar com meu negócio chamou muito minha atenção. Eu trabalhei por nove anos em uma empresa e a inovação era base para ela. Eu carreguei isso comigo. Acredito que inovar traz melhorias para a empresa”, conta Leonardo, que, ao lado do pai, de um primo e outros dois funcionários, conduz uma empresa atuante na coleta e descarte de eletrônicos.

 Cleiton Borges/Secretaria de Governo e Comunicação

Consultores qualificados

O ALI foi lançado no final de outubro pelo prefeito Odelmo Leão como parte da política da atual administração municipal de encontrar formas para incentivar o desenvolvimento econômico e a geração de empregos.  A proposta é disponibilizar, até 2021, profissionais qualificados na área de empreendedorismo e inovação sem custo algum a empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

“Empreender não é fácil, mas nós, como gestão pública, estamos aqui para ser um facilitador, ouvindo e buscando meios de apoiar quem vive por Uberlândia e quer o melhor para a nossa cidade. O ALI vem para somar: nós estamos levando até as empresas profissionais capacitados para ajudar a fortalecer os empreendimentos”, destacou o prefeito Odelmo Leão.

Como participar

Dividido em dois ciclos, foram disponibilizadas 360 vagas para empreendedores. A primeira etapa já teve início e a segunda fase do projeto deve começar até o início do segundo semestre do próximo ano.

São elegíveis à consultoria empresas, tanto da área urbana quanto dos distritos de Uberlândia, que atuam na indústria, no comércio ou no setor de serviços. Para participar da iniciativa, é preciso ir pessoalmente até a sede do Sebrae, na Avenida João Naves de Ávila, 2.627. A seleção obedece a ordem de chegada e tem por base o “Radar de Inovação”, que é preenchido na hora. A pessoa interessada é informada de imediato se preenche os requisitos do projeto.

Uma vez selecionada, a empresa passa a receber visitas regulares dos profissionais do ALI para que sejam identificados pontos a serem trabalhados para fortalecimento do negócio. 

A caminho da terceira visita, Leonardo percebe a diferença de poder contar com um apoio extra, e de graça, para definir o futuro do seu empreendimento. “Abre muito a mente. Quando se para um pouco e se sai do dia a dia da empresa, a gente começa a enxergar coisas que não via antes. A consultoria abre os olhos para coisas novas, para as quais a gente tem que ficar atento, que não são apenas o processo padrão da empresa”, relata.

Fique ligado!
O quê: Inscrições para consultorias gratuitas dentro do Projeto ALI
Onde: no escritório do Sebrae, localizado na Avenida João Naves de Ávila, 2.627, Centro, das 8h30 às 17h30; informações pelo 3237-2270
Quem pode participar: empresas de Uberlândia com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões em busca de inovação
Inscrições e participação no projeto são gratuitas

Confira aqui todos detalhes sobre o ALI e quais são as empresas participantes

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
All articles loaded
No more articles to load

Destaques

Veja Também