Notícias

Prefeitura anuncia novidades e intensifica atendimentos na Saúde

Ampliação do horário de realização das cirurgias no Hospital Municipal e mutirão de raio-x eletivos nas UAIs são duas das novidades implantadas pela gestão municipal
7 de janeiro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Para garantir que a população receba atendimento de forma mais rápida, a gestão da Prefeitura de Uberlândia segue trabalhando e inovando já nos primeiros dias deste novo ano. Nesta terça-feira (7), o secretário municipal de Saúde, Gladstone Rodrigues da Cunha, anunciaram novidades para o setor da saúde durante coletiva de imprensa, que aconteceu no Centro Administrativo.

A primeira iniciativa anunciada é ampliação dos horários de atendimento para realização de cirurgias eletivas no Hospital e Maternidade Municipal Dr. Odelmo Leão Carneiro. Com isso, os agendamentos dos procedimentos ocorrerão das 19h às 22h.

Ainda durante a reunião, foi anunciado o início de um mutirão de raio-x nas oito Unidades de Atendimento Integrados (UAIs). A marcação será feita dos exames eletivos mais simples. Recentemente, as oito unidades receberam equipamentos digitais que garantem mais qualidade e agilidade nos resultados, já que com o aparelho digital a imagem é vista na hora. A previsão é de fazer 25 mil exames em aproximadamente três meses.

Cirurgias e Siate

Em relação ao Sistema Integrado de Atendimento a Trauma e Emergência (Siate), até o final do ano, foram feitos mais de cinco mil atendimentos, sendo que 1,4 mil foram resolvidos pela própria regulação médica, sem a necessidade de envio de uma unidade de resgate.

Programa Além das Grades           

Durante o anúncio das novidades, também foi ressaltado o trabalho desenvolvido pelo “Programa Além das Grades”. Em parceria com a Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais e Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), a Prefeitura de Uberlândia criou o programa, em junho de 2019, para garantir o acesso das pessoas privadas de liberdade aos cuidados de saúde com um ponto de atenção primária em saúde nas duas unidades prisionais do município: Penitenciária Dr. João Pimenta da Veiga e Presídio Professor Jacy de Assis. 

Foram criadas duas equipes, sob a gestão da SPDM, para cada núcleo prisional, visando aprimorar os atendimentos médicos e a prevenção de doenças. As equipes são formadas por médico, enfermeiro, técnico em enfermagem e um auxiliar de saúde bucal,além dos profissionais do Núcleo de Ampliação em Saúde da Família (Nasf), como nutricionistas, fisioterapeutas, psiquiatras, ginecologistas e infectologistas. Durante os atendimentos são realizadas ações de vacinação, prevenção das infecções sexualmente transmissíveis (IST) e de saúde bucal, além do tratamento de problemas crônicos de saúde.

Desde o início do projeto, foram realizados aproximadamente três mil atendimentos nas duas unidades prisionais, promovendo a humanização e a inclusão da população prisional à atenção básica de saúde, conforme explicou o secretário de Saúde, Gladstone Rodrigues da Cunha. 

“Estamos fortalecendo as ações de prevenção e promoção da saúde, realizando programas de educação permanente, acompanhamento e autocuidado inclusive das doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, e orientações de planejamento familiar, entre outros. São ações que garantem mais acesso ao sistema de saúde à população prisional e cuidados preventivos, que ajudam a reduzir os encaminhamentos para unidades de pronto atendimento”.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também