Notícias

Zoológico Municipal elabora cardápio especial para estimular animais

Técnica conhecida como enriquecimento ambiental oferece um ambiente de bem-estar às espécies
6 de fevereiro de 2020
Araípedes Luz/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Imagine um picolé de peixe ou de carne. Opções assim podem não soar muito atrativas para humanos, mas certamente agradam algumas espécies de animais que habitam o Zoológico Municipal nesta época do ano. Semanalmente, os técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Urbanos elaboram novas e criativas opções de nutrição do plantel, considerando principalmente a temperatura ambiente. Os alimentos são acompanhados de outras iniciativas capazes de simular o habitat natural e otimizar a qualidade de vida das espécies, em um processo conhecido como enriquecimento ambiental.  

As dietas levam em consideração os 150 animais do espaço e são elaboradas por um zootecnista, com apoio de um veterinário e de um biólogo. Os alimentos são adquiridos com empresas selecionadas por meio de licitação.

Araípedes Luz/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

O diretor do Zoológico, Evandro Canelo, explica que o enriquecimento ambiental segue um planejamento conforme necessidades específicas de cada espécie, com adaptações constantes, levando em consideração a época do ano. Para as altas temperaturas do verão, o cardápio é dominado por folhas, frutos e flores. Além de picolés, a ingestão de água é incrementada com outros alimentos, como gelatinas.

 “Em épocas onde temos calor em excesso, aumentamos a quantidade de alimentos mais ricos em líquido. Junto a isso, criamos estímulos nos ambientes, fazendo com que esse alimento mais saudável torne-se também mais atrativo. Assim, o animal consegue ingerir a quantidade de nutrientes e calorias necessárias para o seu bem-estar, independentemente da temperatura”, explicou.

Araípedes Luz/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Foco ambiental

O trabalho abrange ainda exercícios que exploram características sociais, alimentares, físicas, sensoriais e ocupacionais dos animais. O diretor acrescenta que os resultados extrapolam os recintos e contribuem para a conscientização dos visitantes acerca da fauna e do meio ambiente.

“O nosso foco principal é a conservação e a educação ambiental em fazer com que os visitantes saiam pessoas melhores e esse enriquecimento favorece a conservação. Esses animais ficam cativos, então o que fazemos é melhorar o dia a dia com a oferta de alimentos e enriquecimento diário”, explicou.

Zoológico Municipal

Local: complexo do Parque do Sabiá – bairro Tibery
Funcionamento: Terça a domingo – das 8h às 16h, com permanência até às 17h
Entrada gratuita!

Compartilhe:

Veja Também

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Configurações avançadas de cookies

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies.

Cookies estritamente necessários

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança, verificação de identidade e gestão de rede. Esses cookies não podem ser desativados em nossos sistemas. Embora sejam necessários, você pode bloquear esses cookies diretamente no seu navegador, mas isso pode comprometer sua experiência e prejudicar o funcionamento do site.

Cookies de terceiros

O portal uberlandia.mg.gov.br não tem controle sobre quais cookies de terceiros serão ativados. Alguns cookies de terceiros que podem ser encontrados ao acessar o portal:
Domínios: Google, Youtube, consulte mais em