Notícias

Aquário Municipal é importante ponto turístico há mais de duas décadas

Mais de 90 mil pessoas passam pelo local por ano e podem conhecer espécies de peixes nativos e ornamentais
13 de março de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Fotos: Araípedes Luz/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Com uma variedade de 41 espécies de peixes nativos e ornamentais, o Aquário Municipal é, há 25 anos, um dos mais importantes pontos turísticos de Uberlândia. Anualmente, o espaço recebe, em média, 90 mil visitantes. A Secretaria Municipal de Agropecuária, Abastecimento e Distritos cuida do espaço desde 2017, com manutenções contínuas e revitalizações que focam no bem-estar dos animais.

Para dar conta do trabalho, o núcleo de aquicultura dispõe de dois técnicos em agropecuária, dois veterinários, zootecnista, além de equipes de coordenação e operacional. O veterinário e assessor de segurança alimentar e nutricional, André França, explica que a exposição dos animais nos 36 aquários obedece critérios de luminosidade, dimensionamento e ornamentação que reforçam a qualidade de vida dos peixes, tartarugas e rãs.

“Avaliamos, diariamente, a condição física dos animais em exposição, durante o período de visitação e à noite. Priorizamos o bem-estar do animal. Cada uma das espécies tem uma ração específica ou se alimenta de peixes menores, então sempre trabalhamos a diversificação alimentar, que é uma forma de enriquecimento ambiental”, destacou.

Etapa a etapa

Obtidos por meio de doações, compra ou reprodução, os peixes recebem atenção especial com avaliação diária da qualidade e temperatura da água nos tanques e aquários.

O trabalho começa no laboratório (reprodução artificial) ou nos tanques escavados (reprodução natural), de onde 20% do cardume em fase adulta é selecionado para exposição – feita em rodízio para preservar o bem-estar dos animais. No caso dos animais recebidos por meio de doação, inicialmente, são realizados acompanhamento e simulação do ambiente de origem para o êxito na adaptação ao aquário.

Já em idade avançada, os peixes são encaminhados para um lago batizado de “santuário”. O ambiente é cuidadosamente preparado para oferecer as características do habitat natural.  

Visitações

Fotos: Araípedes Luz/Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Carpas coloridas, tambaqui, pirarucu, peixe-telescópio e pintado real são algumas das espécies que mais chamam a atenção dos visitantes. Uma novidade inserida em 2019 e que caiu no gosto da criançada são as rãs.

Localizado dentro do Parque do Sabiá (na rua Haia, bairro Tibery), o Aquário Municipal está aberto de terça a domingo, das 8h às 17h. Para agendar uma visita, basta ligar no (34) 3215-2044

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também