Notícias

Segmentos específicos poderão retomar o atendimento presencial

Medida foi deliberada pelo núcleo estratégico do Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 ao considerar que a cidade está mais estruturada para enfrentar a pandemia
15 de abril de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Após uma criteriosa análise do núcleo estratégico do Comitê de Enfrentamento ao Covid-19, foi decidido que alguns tipos específicos de estabelecimentos comerciais terão permissão para retomar suas atividades presenciais em Uberlândia. No entanto, antes de normalizarem o funcionamento, os proprietários precisarão assinar um Termo de Responsabilidade disponível no Portal da Prefeitura e enviar uma cópia digitalizada do documento assinado para o e-mail gabinetedoprefeito@uberlandia.mg.gov.br. A via original deverá ser mantida obrigatoriamente no estabelecimento, podendo ser exigido pela equipe de fiscalização durante as operações de rotina.

Os estabelecimentos também deverão tomar uma série de medidas preventivas para saúde dos profissionais e clientes. As ações de segurança para cada tipo de comércio também estão disponíveis no Portal da Prefeitura (acesse aqui). Todas essas determinações serão monitoradas diariamente pelo Comitê e poderão ser revistas a depender da evolução da proliferação do coronavírus no município. A permissão foi concedida a segmentos considerados de grande importância social no atual contexto de pandemia.

Segmentos específicos poderão retomar o atendimento presencial 1
Foto: Marco Crepaldi – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

A deliberação do comitê leva em consideração que, a cidade está mais preparada para lidar com a pandemia. Nesta quarta-feira (15), por exemplo, a Secretaria Municipal de Saúde recebeu os primeiros 100 testes rápidos adquiridos para a detecção da doença. Ao todo, foram encomendados 20 mil testes. Também foram entregues 30 mil comprimidos de hidroxicloroquina para o tratamento dos pacientes com sintomas da rede municipal de Saúde, mediante prescrição médica.

Por fim, o comitê também levou em consideração a abertura de novos leitos para atendimento especializado da doença, com a transformação do antigo Hospital Santa Catarina em um anexo do Hospital Municipal.

Confira os estabelecimentos que poderão retomar as atividades ao público mediante a adoção de medidas sanitárias específicas:

1-    Segmento de óticas

2-    Assistências técnicas em geral

3-    Comércio de embalagens

4-    Segmento de lojas de acessórios, produtos, componentes e peças de informática

5-    Imobiliárias de forma parcial – permitida somente os postos de atendimento presencial para renegociação de contratos e/ou devolução de imóveis

6-    Certificadores digitais

7-    Salões de cabelereiros e barbearias

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também