Notícias

Trincheira do Trevo Ivo Alves Pereira alcança metade da conclusão

Na próxima semana será iniciada a execução da laje de cobertura
24 de abril de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais uma obra prevista promovida pela Prefeitura de Uberlândia, por meio do programa Uberlândia Integrada II, segue em ritmo acelerado. A construção da trincheira no trevo Ivo Alves Pereira (conhecido como Trevo do Topas) alcançou metade da conclusão. Nesta sexta-feira (24), foi concluída a primeira fase da escavação. A partir da próxima semana, os trabalhos entram em uma nova etapa, com a execução da laje de cobertura.

O serviço de execução da laje deve percorrer o mês de maio. Assim que concluído, terá início a segunda fase de escavação. Antes disso, já foram realizados trabalhos como construção de redes pluviais, de esgoto e adutora, bem como a execução das estacas das paredes laterais da trincheira e a terraplanagem. “A obra está dentro do prazo e segue acelerada. Nos próximos meses o local passará também por pavimentação e acabamento”, comentou o secretário municipal de Obras, Norberto Nunes.

Foto: Cleiton Borges – Secretaria de Governo e Comunicação / PMU

ordem de serviço para a construção da trincheira foi dada em setembro do ano passado. Os trabalhos são conduzidos pela Dreste Construtora, empresa escolhida por meio do Regime Diferenciado de Contratação (RDC), um sistema licitatório mais ágil.

O trecho é ponto de acesso a mais de 15 bairros da região oeste e à BR-497. Após a conclusão, mais de 50 mil motoristas e cerca de 30 mil usuários do transporte público serão beneficiados diariamente.

Uberlândia Integrada

Foto: Cleiton Borges – Secretaria de Governo e Comunicação / PMU

A trincheira é mais uma intervenção da etapa II do programa Uberlândia Integrada, retomado em novembro de 2018. No total, serão cerca de R$ 240 milhões investidos na construção de pontes, trincheiras, prolongamento de vias e recapeamento.

Foto: Cleiton Borges – Secretaria de Governo e Comunicação / PMU

O montante é fruto do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), feito junto à Caixa Econômica Federal. A iniciativa consiste no maior pacote de obras viárias da história cidade. Lançado inicialmente em 2011, o programa já contemplou diversas melhorias em infraestrutura e mobilidade urbana em sua primeira etapa, como o Corredor Estrutural Leste e o Terminal Novo Mundo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também