Notícias

Prefeitura adquire cápsulas respiratórias para o tratamento contra a Covid-19

Equipamento pode reduzir a necessidade de respiradores e garante maior segurança para pacientes e equipe médica
28 de abril de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Na missão de combater o novo coronavírus (Covid-19) e garantir o atendimento necessário aos pacientes, a Prefeitura de Uberlândia acaba de adquirir uma importante inovação para o tratamento de quem precisa de internação em decorrência das complicações da doença: a cápsula respiratória. Produzido pela Casa de Acessibilidade, o equipamento evita que pacientes tenham que ser precocemente entubados, o que oferece menor dependência da respiração mecânica e maior segurança tanto para o paciente quanto para a equipe médica. Foram entregues ao Município 10 unidades.

As cápsulas respiratórias foram validadas pela Secretaria Municipal de Saúde nesta segunda-feira (27) e instaladas no antigo Hospital Santa Catarina, onde foram criados leitos para acompanhamento de casos de Covid-19. A partir desta terça-feira (28), toda a equipe médica e de enfermagem da unidade passará por treinamento para uso do novo recurso.

Desenvolvida inicialmente no Amazonas, a cápsula é inspirada no capacete de acrílico utilizado na oxigenação de recém-nascidos internados. O recurso cria um espaço de isolamento físico do paciente ao mesmo tempo que permite a circulação do ar. A estrutura impede que as gotículas de saliva expelidas pelo paciente escapem para o ambiente externo quando os profissionais de saúde precisarem realizar algum procedimento.

Na versão de Uberlândia, o equipamento recebeu aprimoramentos técnicos e a expectativa é grande para que se torne um aliado no sucesso dos tratamentos, com redução no tempo de internação de quem enfrenta o novo coronavírus, menor contaminação dos profissionais de saúde e pode reduzir a necessidade de respiradores, que poderão ser usados apenas em situações nas quais os demais recursos tenham se esgotado.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também