Notícias

Unidade de Acolhimento Infantojuvenil ganha espaço mais amplo de atendimento

Equipe multiprofissional aprimorará ainda mais o amparo das crianças e jovens em situação de vulnerabilidade
20 de agosto de 2020

A Prefeitura de Uberlândia colocou em funcionamento, neste mês de agosto, um novo espaço para atendimento da Unidade de Acolhimento Infatojuvenil, que foca no amparo temporário e cuidados contínuos de saúde direcionado às crianças e aos adolescentes em situação de vulnerabilidade. Em um local mais amplo, com maior acessibilidade e espaços adequados, a equipe multiprofissional aprimorará ainda mais o acolhimento das crianças e jovens com idade entre 10 e 18 anos com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas e em vulnerabilidade social e/ou familiar.

A unidade funciona 24h e tem disponibilidade para até dez leitos. O acompanhamento é em caráter residencial transitório, com tempo de permanência por até seis meses.

Foto: Araípedes Luz- Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

O trabalho é desenvolvido por uma equipe multiprofissional que oferece suporte ao adolescente para as articulações nos demais campos da vida (escola, família, etc).  A Unidade de Acolhimento Infatojuvenil é vinculada ao Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil (Capsi), que faz o atendimento em saúde mental durante a permanência do jovem na unidade.

Rede ampla

Foto: Araípedes Luz – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Por meio da Rede de Atenção em Saúde Mental, a Prefeitura de Uberlândia disponibiliza atendimentos para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. O acolhimento, realizado por equipes multiprofissionais, ocorrem nas unidades de Atenção Primária à Saúde, que são as portas de entradas preferenciais da rede de saúde, nos cinco Centros de Atenção Psicossocial (Caps) e nos pronto atendimentos das Unidades de Atendimento Integrado (UAIs), em situações de urgência em saúde mental.

Toda a rede de serviços trabalha de forma articulada, visando que o cuidado com o paciente ocorra mais próximo de sua casa, favorecendo a participação da família e a inclusão social. Para isso, as unidades de saúde trabalham com projetos terapêuticos a partir das características de cada paciente.

Foto: Araípedes Luz – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Fortalecendo a reabilitação psicossocial, o município conta, ainda, com o Centro de Convivência e Cultura, onde são desenvolvidas ações de socialização e inserção social pela cultura e esporte. Muitas destas ações são realizadas em parcerias interinstitucionais com o intuito de proporcionar a construção de uma vida mais saudável.

Veja Também

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Configurações avançadas de cookies

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies.

Cookies estritamente necessários

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança, verificação de identidade e gestão de rede. Esses cookies não podem ser desativados em nossos sistemas. Embora sejam necessários, você pode bloquear esses cookies diretamente no seu navegador, mas isso pode comprometer sua experiência e prejudicar o funcionamento do site.

Cookies de terceiros

O portal uberlandia.mg.gov.br não tem controle sobre quais cookies de terceiros serão ativados. Alguns cookies de terceiros que podem ser encontrados ao acessar o portal:
Domínios: Google, Youtube, consulte mais em