Notícias

Prefeitura de Uberlândia inicia atendimentos do Sine

Novo espaço no bairro Lagoinha oferece mais comodidade para usuários do serviço
24 de agosto de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A Prefeitura de Uberlândia iniciou nesta segunda-feira (24) os atendimentos na nova sede do Sistema Nacional de Emprego (Sine), localizada no Centro Profissionalizante do bairro Lagoinha, na rua São Francisco de Assis, 1.070. A mudança permitiu diversas melhorias no serviço, como espaço mais amplo e proximidade do corredor de ônibus da avenida João Naves de Ávila, o que garante mais agilidade e comodidade para quem utiliza o transporte público. A alteração foi possível após o acordo de cooperação firmado neste mês entre os governos municipal e estadual.

O novo Sine foi preparado para fazer até 250 atendimentos diários, totalizando aproximadamente cinco mil pessoas beneficiadas mensalmente. A estrutura funciona de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 8h às 17h. Para realizar os atendimentos, a Sedesth disponibilizou equipamentos, infraestrutura, contratação e condução da mão de obra com 12 servidores, bem como todos os demais aspectos para o correto funcionamento do serviço. Consciente da importância da prevenção ao novo coronavírus, a equipe da Sedesth também tomou todas as medidas necessárias para o momento, como distanciamento social, aferição de temperatura corporal e regras de higienização do espaço e dos equipamentos.

Michely Maria Gomes Pereira foi ao Sine e recebeu duas cartas de apresentação, sendo uma para vaga de auxiliar administrativo e outra para atendente de farmácia. “Estou desempregada há quatro meses, mas isso é passado. Agora eu sinto que vai dar certo e voltarei a trabalhar”, disse.

Atuação em benefício do trabalhador

Foto: Araípedes Luz – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

O novo Sine presta orientação profissional e intermediação da mão de obra com a intenção de inserir ou recolocar o trabalhador no mercado de trabalho de maneira ágil, minimizando os impactos sociais causados pelo desemprego. Os empregadores também foram beneficiados pois está mais fácil o acesso deles aos trabalhadores, facilitando a seleção de futuros colaboradores.

No segmento de atuação os serviços envolvem requisições de seguro desemprego e Carteira de Trabalho. Quem está sem emprego e busca atendimento no Sine preenche um cadastro no qual apresenta sua qualificação profissional e experiência. Em um sistema integrado, os servidores farão pesquisas diárias em busca de uma vaga compatível.

Outra importante atuação envolve o encaminhamento de profissionais à ampla rede de capacitação oferecida pelo município nos cinco Centros Profissionalizantes e na Estação da Juventude, aprimorando as suas habilidades e chances de conseguir um vínculo empregatício.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também