Notícias

Instalação de guarda-corpos na ETA Capim Branco chega à etapa final

Dispositivos oferecem proteção nas áreas externas e garantem a circulação dos servidores no acompanhamento dos processos
30 de setembro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Com a construção do Sistema Capim Branco em sua fase final, a instalação dos guarda-corpos na Estação de Tratamento de Água (ETA) será concluída até o fim desta semana. Ao todo, 19 pontos receberam os dispositivos, que vão proteger uma área aproximada de 2,7 mil m² de área. Além da ETA, os equipamentos serão instalados na Unidade de Tratamento de Resíduos (UTR), na Elevatória de Água Bruta e na Câmara de Transição. Localizada nas imediações da comunidade rural da Tenda do Moreno, a obra está sendo executada pelo Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae).

De acordo com o diretor técnico do Dmae, Geraldo Sílvio, a principal finalidade dos guarda-corpos é proteger os servidores ao acompanhar os processos do tratamento de água. “O dispositivo garante a segurança dos nossos funcionários e visitantes nas áreas onde ocorrem as diferentes etapas do tratamento de água, de forma semelhante aos outros dois sistemas Sucupira e Bom Jardim.  

Os guarda-corpos em extensão linear têm um comprimento total de 2.485 metros e vão proteger às áreas externas do processo de tratamento de água, como os decantadores, galeria de filtros, floculadores e casa de química. Os equipamentos são fabricados em tubos de aço galvanizados, com acabamento em esmalte sintético na cor amarela, própria de dispositivos de segurança.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também