Notícias

Prédio do Museu Municipal está com 33% da revitalização finalizada

‘Palácio dos Leões’ é uma das mais importantes estruturas arquitetônicas da cidade e guarda acervo que preserva e conta a história de Uberlândia
14 de outubro de 2020

A revitalização do “Palácio dos Leões”, prédio histórico que abriga o Museu Municipal, continua avançando. O projeto é executado pela  empresa vencedora da licitação, Elismário Pereira Moreira-EPP, e acompanhado pelas secretarias municipais de Obras e Cultura, seguindo especificações do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Cultural de Uberlândia (Comphac). Com as restaurações em fase de finalização e a pintura externa e externa em andamento, 33% da obra já está concluída.

Uma das mais importantes estruturas arquitetônicas da cidade, a atual sede do museu foi inaugurada em 1917 para abrigar o Paço Municipal, que na época era formado pela Prefeitura e a Câmara de Vereadores. O prédio foi projetado pelo empreiteiro e construtor Cipriano Del Fávero e se tornou o espaço do Museu Municipal na década de 1990.

Prédio do Museu Municipal está com 33% da revitalização finalizada 1

Foto: Cleiton Borges – Secretaria de Governo e Comunicação / PMU

 O projeto de revitalização agora em andamento inclui restauro das esquadrias de portas e janelas, reparos elétrico e hidráulico, modernização do elevador, pintura, restauro de pisos, melhoria do calçamento externo, desobstrução de calhas, entre outros. Tudo para garantir que o imóvel continue em condições de cumprir com o seu papel de contar a história e preservar a memória de Uberlândia.

Preservando memórias

Dividido em 11 categorias, o acervo do Museu abrange os mais diversos segmentos de cultura e tradições uberlandenses, com itens de transporte, comunicação, armas e objetos pessoais, entre outros. O local é palco de exposições de longa duração, contando a história de formação da cidade, e também recebe exposições temporária. Há ainda uma exposição permanente, que trata do período em que a Câmara Municipal ficou ali instalada. 

Grande parte das peças foi comprada pela Prefeitura em 1984 da coleção de um morador da cidade, Argemiro Costa. O acervo vem sendo complementado ainda com doações da população. Parte dos itens fica no antigo prédio da Biblioteca Municipal Juscelino Kubistchek, na Praça Cícero Macedo, 19, no bairro Fundinho.

Veja Também