Notícias

Programa Buriti se prepara para realizar o plantio de 45 mil espécies nativas

20 de outubro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Comunicação Dmae

O Programa Buriti, sob a responsabilidade do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae), está finalizando o cercamento e as horas-máquina nas propriedades rurais que aderiram ao programa neste ano. O próximo passo será o plantio de 45 mil mudas nativas do cerrado em 44 hectares (12 propriedades), processo que deve se estender por todo o período chuvoso. Mais de 40 espécies nativas do cerrado são utilizadas na recomposição vegetal, entre elas angico vermelho, aroeira preta, guatambu, jatobá, jenipapo e ipê.

Dos 60 mil metros de cerca linear, 41 já foram executados em 18 propriedades rurais das bacias do rio Uberabinha, Araguari e ribeirão Bom Jardim. Ainda será concluído o cercamento em mais oito propriedades. O cercamento nas propriedades é realizado em áreas de nascentes ou de preservação permanente com o objetivo garantir a proteção e regeneração das áreas protegidas. Outro trabalho em execução são as horas-máquina, que consiste na readequação de estradas vicinais, construção de terraços, barraginhas e curva de nível. Das 2.752 horas previstas para este ano, já foram realizadas 2.300 horas.

De acordo com o gerente Ambiental do Dmae, Celismar Costa, os serviços de cercamento e horas-máquina geram benefícios ao solo, uma vez que a Área de Preservação Permanente (APP) inicia um processo de recuperação quando é isolada, contribuindo para a regeneração natural das espécies nativas. “Após o término do cercamento e das horas-máquina no período de seca, iniciamos o plantio”, afirma.

Foto: Comunicação Dmae

Mais informações

O Programa Buriti atua na preservação e recuperação das nascentes nas bacias do ribeirão Bom Jardim e dos rios Uberabinha e Araguari. Desde a implantação (2008) já foram realizados 530 mil metros lineares de cerca e o plantio de 413 mil mudas nativas. O produtor rural não tem custo em implantar o programa. Para se cadastrar e receber os benefícios, basta entrar em contato com o Dmae pelo e-mail programaburitidmae@gmail.com ou pelo telefone 3233-2564.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também