Notícias

Município encerra neste fim de semana a capacitação gratuita de implantação e manejo de agroflorestas

Ação finaliza trabalho desenvolvido pelo Novo Agro em parceria com Sítio Semente
13 de novembro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Investindo na capacitação dos produtores rurais cadastrados no Programa de Desenvolvimento de Novos Negócios Rurais – o Novo Agro, a Secretaria Municipal de Agropecuária, Abastecimento e Distritos fecha mais um ciclo neste fim de semana. Desde março do ano passado, vem sendo trabalhado com esses agricultores, junto ao Sítio Sementes (DF), os pilares da Agroecologia e o conceito da agricultura sintrópica, caracterizada pela organização, integração, equilíbrio e preservação de energia no ambiente.

Após três etapas que trabalharam o planejamento, o plantio, o manejo e a colheita desses produtos, a capacitação terminará neste sábado (14) com a abordagem da maneira de comercialização. “O Sítio Sementes é referência nacional e internacional no conceito da agroecologia e dentro do Novo Agro queremos oferecer o que há de melhor para a capacitação e aprimoramento dos nossos produtores. O resultado foi excelente e iremos trabalhar agora com a expansão das ideias que foram repassadas para cerca de 40 inscritos que participaram, para todos aqueles outros que estiverem interessados na técnica”, disse a secretária municipal de Agropecuária e Abastecimento, Walkiria Naves.

A iniciativa apresentada pelo Sítio Semente consiste no manejo e implantação de modelos de cultivo de produtos anuais juntamente com árvores. O entendimento dos processos naturais para uso na agricultura permite a produção livre de agrotóxicos e adubos sintéticos. Dessa forma, é possível um plantio de regeneracão do ecossistema, além de capacitar para o beneficiamento e comercialização dos produtos.

Proprietária do Sítio Semente e instrutora, Nathália Mugut parabenizou o município pela iniciativa de investir na capacitação dos produtores rurais do município. “Trabalhamos neste sentido há muito tempo e posso afirmar que Uberlândia foi pioneira no que foi oferecido aos agricultores. Além de ofertar o curso, os resultados foram excelentes pelo aporte por parte da prefeitura, colocando à disposição o maquinário, os insumos e principalmente as mudas. Isso resultará em uma produção muito mais natural, de qualidade e, além disso, em um sistema sustentável pra os produtores”, afirmou.

Novo Agro

O Novo Agro foi lançado em novembro de 2017 para estimular o desenvolvimento da economia rural no município e transformar as atuações comerciais no campo. Com aproximadamente dois mil produtores beneficiados, já foram desenvolvidas diretrizes como a criação de novas leis, elaboração de postos de comercialização, auxílios, cursos e eventos.

Todas as atividades propiciaram uma atuação mais profissionalizada dos produtores uberlandenses. Além da Agroecologia, há ações em cinco pilares principais: Piscicultura, Agroindústria de Pequeno Porte, Turismo Rural, Gastronomia e Avicultura Caipira. O programa já alcançou inúmero resultado e rendeu ao prefeito Odelmo Leão o Prêmio Sebrae de Prefeito Empreendedor.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também