Notícias

Campanhas de Multivacinação, Poliomielite e Sarampo encerram na próxima semana

Estão disponíveis 74 salas para atendimento e aplicação das vacinas com horários diferenciados
16 de novembro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O número de pessoas que foram aos postos disponibilizados pela Prefeitura de Uberlândia, para serem vacinadas contra Sarampo, Poliomielite e atualização dos cartões de vacinação, está abaixo do esperado. De acordo com os dados informados pelo Programa Municipal de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, em relação a Pólio, por exemplo, apenas 22.776 doses foram aplicadas, o que representa apenas 67,59% da meta vacinal.  O prazo para quem ainda não se vacinou será encerrado na próxima sexta-feira (20).  

Ter uma cobertura vacinal satisfatória é fundamental para garantir a saúde das pessoas, por isso, foram disponibilizadas 74 salas para aplicação das vacinas, com horários diferenciados, atendendo a comunidade que ainda não foi imunizada.

A meta da Campanha de Multivacinação é verificar os cartões de vacina de 130 mil crianças e adolescentes (de 0 a 14 anos) para certificar se estão em dia. Deste público, 33 mil crianças (de 1 a menor de 5 anos) fazem parte da campanha contra a Poliomielite e devem receber uma dose de reforço, mesmo se a caderneta estiver em dia.

“Os profissionais de todas as unidades estão engajados, fazendo a busca ativa das crianças e disponibilizando a vacina em pontos estratégicos nos bairros, como praças, farmácias e supermercados. Essas ações contribuíram muito para o aumento dos números, mas ainda temos mais de 10 mil crianças sem a dose de reforço contra a poliomielite. Por isso, quem ainda não vacinou, procure as unidades de saúde e garanta a proteção do seu filho”, pontuou a coordenadora do Programa de Imunização, Cláubia Oliveira.

A Campanha Nacional Indiscriminada contra o Sarampo também encerra no próximo dia 20 (sexta). O público-alvo para receber a dose de reforço da tríplice viral, que também protege contra caxumba e rubéola, são pessoas com idade entre 20 e 49 anos.

“A vacinação é a melhor forma de prevenção dessas doenças que ainda existem. Temos 74 salas de vacinas à disposição e com horários diferenciados. Não tem desculpa para não colocar o cartão em dia e ficar protegido. Entendemos a situação da pandemia, mas não podemos esquecer que existem outras doenças que ainda circulam no nosso país”, ressaltou a coordenadora.

O atendimento nas salas de vacina acontece de segunda a sexta-feira. Nas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF) o funcionamento é das 7h30 às 16h30. Já nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), o atendimento acontece das 7h30 às 18h. Nas Unidades de Atendimento Integrado (UAI), o horário é das 8h às 20h.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também