Notícias

Dmae pede cuidado ao executar serviços próximos à rede de água

Mensalmente são realizadas cerca de 30 interferências causadas por terceiros
4 de dezembro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Intervenções realizadas pela população, principalmente em calçadas, podem ocasionar danos à rede pública de água e esgoto e que estão sob a responsabilidade do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae). A falta de água, sujeira na tubulação e maiores custos são as consequências diretas deste tipo de acidente. Mensalmente, a autarquia executa entre 20 e 30 serviços onde os danos foram causados por terceiros.

Antes de executar qualquer serviço em calçadas, o Dmae orienta os moradores a entrarem em contato pelo telefone (34) 99992-2024 para que sejam devidamente orientados pelo setor responsável sobre a profundidade das redes e a localização exata das estruturas. Dentre os maiores problemas, estão a instalação e retirada de lixeiras e postes de energia, além da supressão de árvores.

O gerente de Manutenção de Água e Esgoto, Renato Gularte, explica que, quando a rede é afetada, o Dmae realiza o reparo e faz a cobrança do material na fatura de água do munícipe, de acordo com a legislação vigente. “Os cuidados devem ser seguidos criteriosamente, pois ao afetar uma rede pode-se causar problemas como falta de água, dependendo do tempo de execução e o reparo”, detalhou. Recentemente uma máquina escavadeira atingiu uma adutora do Dmae, que liga a estação de Sucupira ao perímetro urbano, deixando metade da população desabastecida.

Para avisar sobre um vazamento de água na rua e na calçada, o consumidor deve imediatamente avisar o Dmae pelo Fone Fácil 115 ou pelo Zap (99774-0616) para que o reparo seja providenciado. Os vazamentos no hidrômetro também são de responsabilidade do Dmae, portanto, quem perceber algo de errado com o medidor deve entrar em contato imediatamente.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também