Notícias

Trabalho da Atenção Primária é destaque em publicação nacional

Ações da Secretaria Municipal de Saúde foram incluídas no mapeamento feito pelo Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass)
15 de dezembro de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Desde o início da atual gestão, a Secretaria Municipal de Saúde tem desenvolvido a padronização dos serviços ofertados à população por meio da Planificação da Atenção à Saúde, denominado no município de Qualifica SaUDI. O projeto veio para garantir o acesso da comunidade às unidades de saúdeefortalecer a atenção primária na cidade.Recentemente, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgou uma publicação, denominada Estudo sobre a planificação da atenção à saúde no Brasil, em que as ações desenvolvidas pela Prefeitura de Uberlândia nos últimos anos são destaque e referência de boas práticas.

Dentre as práticas adotadas pela saúde em Uberlândia que foram mencionadas na publicação do Conass, estão a introdução de novas tecnologias para a condução de pacientes com condições crônicas na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Santa Luzia, a implantação de um modelo de atendimento dos pacientes com condições crônicas em todo o setor sul e a integração entre atenção primária e a especializada em reumatologia para proporcionar educação permanente e responsabilização da atenção primária dos casos menos complexos, contribuindo para a redução do tempo de espera para os atendimentos mais graves.

Também foram destaque a integração da Vigilância em Saúde e atenção primária para ampliar o controle de doenças, o uso do Whatsapp para agendamento de consultas e os trabalhos de atenção contínua com pacientes diabéticos, o que proporcionou um melhor conhecimento e acompanhamento permanente da população com essa condição.  

O “Qualifica SaUDI” aprimorou o trabalho das equipes, que passaram a atuar interdisciplinarmente, garantindo aos usuários um melhor acesso às consultas e demais serviços, conforme explicou a coordenadora da Atenção Primária, Karina Kelly de Oliveira.

“Antes, as equipes atuavam na lógica do cuidado centrado na figura do médico. As agendas não respeitavam a estratificação de risco, o que, na maioria das vezes, deixava os profissionais com pouca resolução perante a rede. Além disso, a falta de uma metodologia que possibilitasse aos profissionais atuarem de uma forma padronizada prejudicava o trabalho deles. Com a organização, modificamos a forma de pensar e de agir das equipes de saúde no município, possibilitando desenvolver um trabalho mais eficaz e fortalecendo a atenção primária da rede, explicou Karina.

Centro de Referência

Toda a efetividade das ações implementadas pela Secretaria Municipal de Saúde motivou o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) a escolher Uberlândia para ser um Centro Colaborador. Com isso, o município tem sido um local de visitas de gestores e profissionais, bem como um centro de capacitação de facilitadores, para conhecerem os bons exemplos adotados. Em 2020, a cidade recebeu a visita de membros do Ministério da Saúde, da Secretaria de Estado de Saúde de Sergipe e do Conselho de Secretários Municipais de Saúde de Sergipe (Cosems/SE).

Na oportunidade, os visitantes conheceram mais sobre a excelência nos processos adotados na Atenção Primária e que motivaram a cidade a ser reconhecida como referência no serviço para outros municípios. Os Centros Colaboradores têm o propósito de fortalecer e ampliar a cooperação técnica entre estados e municípios, facilitando informações e serviços, além de estimular e apoiar o treinamento e a pesquisa.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também