Notícias

Prefeitura chega a 84% de doses de vacinas de Covid-19 aplicadas

Até a tarde desta sexta-feira (29), 5.789 pessoas dos grupos prioritários foram imunizadas
29 de janeiro de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Desde a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 na cidade, a Prefeitura de Uberlândia já contabiliza 5.789 pessoas imunizadas contra a doença. O valor representa aproximadamente 84% das 6.901 doses recebidas pelo Governo Estadual nesta fase inicial. Neste primeiro momento, o Plano de Vacinação contra a Covid-19 na cidade segue a orientações do Ministério da Saúde, que prioriza os trabalhadores de saúde (profissionais que prestam serviço em estabelecimento de saúde), idosos acamados e aqueles com mais de 60 anos que moram em Instituições de Longa Permanência (ILPIs).   

Graças a um grande trabalho de logística por parte da Secretaria Municipal de Saúde, a imunização começou em Uberlândia no dia 19 de janeiro, no Ginásio do UTC, poucas horas após a chegada das doses. O trabalho foi direcionado aos trabalhadores da área de saúde, que estão na linha de frente do combate à Covid-19. Em quatro dias de trabalho no local, 4.472 doses foram aplicadas, sendo: 1.605 em técnicos de enfermagem, 1.180 em médicos, 883 em enfermeiros e 804 nos demais trabalhadores de saúde que também atuam no combate à doença, como assistentes sociais, fisioterapeutas, e etc.

Paralelemente à vacinação dos trabalhadores da saúde, também foi iniciada a imunização dos idosos das Instituições de Longa Permanência (ILPIs), bem como das pessoas com deficiência em residência inclusiva. As equipes visitaram 28 instituições,aplicando 771 doses.

No início desta semana, a Secretaria de Saúde também começou a imunizar os idosos acamados. Ao todo, 546 idosos receberam em casa a visita das equipes de vacinação.  A ação, encerrada nesta sexta-feira, é essencial para a proteção desses pacientes com mobilidade reduzida, considerados um dos grupos mais vulneráveis e com mais alto risco de óbito em caso de contaminação pelo vírus.

Além das 5.789 doses aplicadas, 34 apresentaram desvio de qualidade/perda técnica (a maioria com volume insuficiente, sem rótulo, entre outras situações encontradas. O quantitativo representa 0,58% do total, considerado dentro da normalidade em grandes escalas de imunização. Os frascos permanecem armazenados para eventual análise da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Retomada da vacinação no UTC 

Prefeitura chega a 84% de doses de vacinas de Covid-19 aplicadas 1
Foto: Valter de Paula – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

Na próxima segunda-feira (1º), o restante das doses será aplicado exclusivamente nos profissionais de saúde já cadastrados e que estão na linha de frente do combate à pandemia, conforme as diretrizes do Ministério da Saúde. O processo será realizado a partir das 9h, no UTC. Os profissionais serão avisados por SMS, a exemplo do que já vinha acontecendo.

Segunda dose

Conforme atualização do Informe Técnico do Ministério da Saúde, a segunda dose deverá ser aplicada entre 15 e 21 dias de intervalo da primeira. Com isso, assim que a Superintendência Regional de Saúde (SRS) liberar as outras 6.901 doses remanescentes, a vacinação desse público contemplado na primeira etapa será retomada.

Astrazeneca e novas doses do Butantan

Além destas doses, o município também aguarda o recebimento das novas vacinas produzidas no Instituto Butantan, bem como da Astrazeneca/Oxford. Já está sendo planejada a logística para iniciar, ainda na próxima semana, a imunização de mais pessoas pertencentes aos grupos prioritários, em conformidade com as orientações do Ministério da Saúde.

Cadastro para a vacina

O cadastramento prévio para imunização continua disponível no Portal da Prefeitura. O acesso é feito no Portal da Prefeitura, na aba “Enfrentamento ao Coronavírus” e depois basta acessar o botão “Cadastro Vacinação”. A vacinação será realizada de forma gradativa de acordo com os grupos prioritários, ordem do cadastro e a quantidade de doses liberadas para a cidade.

A Prefeitura alerta para que as pessoas se atentem para o recebimento de mensagens de texto verídicas e compareçam ao ponto de vacinação agendado com cartão de vacina, documento pessoal e comprovante de atuação ativa na rede de saúde.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também