Notícias

Com nova remessa de doses, mais de 4,3 mil pessoas foram vacinadas nesta quarta (16)

Nesta quinta-feira (17) a Prefeitura inicia a imunização em pessoas de 58 e 59 anos e educadores do ensino médio
16 de junho de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Se há doses, há vacinação e o retrato disso é a imunização de 4.359 pessoas nesta quarta-feira (16), na Arena do Sabiazinho e nos ginásios do UTC. Trabalhadores da Rede Municipal de Saúde vacinaram hoje pessoas com comorbidade e com deficiência (com ou sem Benefício de Prestação Continuada – BPC), trabalhadores da educação dos ensinos infantil e fundamental, gestantes e puérperas (mulheres no pós-parto até 45 dias), trabalhadores aeroportuários e das forças armadas e pessoas de 59 anos cadastradas em grupos prioritários que não tinham sido vacinadas.   

A estudante Laura Alves Barbosa de 27 anos ficou surpresa quando viu a fila na Arena Sabiazinho e o resultado da força-tarefa de vacinação da Prefeitura: “Eu cheguei e vi uma fila grande, mas me surpreendi com a organização e rapidez. Estou emocionada, feliz e muito grata pela primeira dose, agora é aguardar com segurança a segunda.” Festejou a estudante.

Nesta quinta-feira (16), a Prefeitura mantém a vacinação para os grupos prioritários e amplia o mutirão abrindo a imunização por idade (58 e 59 anos), além de incluir os trabalhadores da educação do Ensino Médio.

Confira o cronograma para esta quinta-feira (17)

A partir desta quinta, a vacinação acontecerá para pessoas de 58 e 59 anos sem comorbidades. Trabalhadores da Educação Infantil, Ensino Fundamental e também para o Ensino Médio, gestantes e puérperas e pessoas com comorbidades e deficiência (com ou sem Benefício de Prestação Continuada – BPC). A imunização permanece na Arena Sabiazinho e no UTC (entradas da Cipriano Del Fávero e Getúlio Vargas).

Cadastro para profissionais da Educação

Em relação à rede municipal de ensino, os dados de todos os profissionais já estarão no portal, sendo necessário que eles acessem o sistema (clique aqui) para validar, confirmar ou corrigir os dados apresentados.

Já para os profissionais da rede estadual, privada e da Escola de Educação Básica (Eseba) da UFU, será necessário que cada instituição de ensino realize um pré-cadastro no sistema. Caberá ao responsável de cada instituição (clique aqui) disponibilizar informações dos funcionários previamente para permitir acesso ao cadastro definitivo.

Nesta primeira etapa, o responsável deverá informar o CNPJ da empresa e o CPF da pessoa ligada à constituição jurídica da escola. Estes dados deverão ser os mesmos que estão disponíveis no Imposto Sobre Serviços (ISS), ou seja, a instituição deverá estar regularizada. Após uma confirmação por parte do Município, uma chave de acesso será enviada ao responsável para que ele cadastre os profissionais da instituição. Neste espaço deverá ser indicado o nome da pessoa, o CPF, o cargo e o nível de ensino.

Com esta etapa concluída, o profissional da educação da empresa deverá acessar a seção de agendamento do Portal da Prefeitura para confirmar o registro e disponibilizar algumas informações pessoais a mais como o endereço e contato telefônico, além de confirmar os dados oferecidos no pré-cadastro. A partir daí, o profissional estará habilitado para ser convocado, quando houver disponibilidade de doses para o grupo.

Agendamento e confirmações

A confirmação do agendamento das pessoas cadastradas é feita por mensagem de texto no celular (SMS), via e-mail para quem optou por preencher o campo no momento do cadastro e também pode ser conferida no Portal da Prefeitura. Devem comparecer aos locais de vacinação somente as pessoas que receberam a confirmação do agendamento. O Município reforça a necessidade de comparecimento dos convocados. Faltosos somente serão reconvocados quando houver disponibilidade de doses sem prejuízo ao progresso da vacinação.

Todo o fluxo do agendamento é pensando na capacidade de atendimento dos pontos de vacinação. Por isso, a Prefeitura de Uberlândia ressalta também a necessidade de as pessoas respeitarem o horário e local do agendamento para evitar a formação de filas.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também