Notícias

Prefeitura realiza concretagem do viaduto da rua Conrado de Brito

Elevado trará melhorias na mobilidade urbana, facilitando o acesso à região leste
16 de junho de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Araípedes Luz - Secretaria Municipal de Governo e Comunicação/PMU

Na manhã desta quarta-feira (16), a Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Obras, realizou a concretagem do tabuleiro do viaduto da rua Conrado de Brito, localizado entre os bairros Custódio Pereira e Alto Umuarama. Para a execução do serviço, foram necessários sete caminhões contendo aproximadamente 60 metros cúbicos de concreto. Nas próximas etapas, serão executadas a finalização do guarda rodas e, posteriormente, o guarda corpo.

“O Prefeito Odelmo Leão determinou, desde 2017, que levássemos melhorias para o povo de Uberlândia e é o que o Uberlândia Integrada II está fazendo. Esta obra, quando finalizada, vai facilitar o trajeto diário de aproximadamente cinco mil passageiros e 20 mil veículos”, afirmou o secretário Municipal de Obras, Norberto Nunes.

O viaduto na Rua Conrado de Brito trará melhorias na mobilidade urbana facilitando o acesso à região leste do município. A obra é mais uma das estruturas viabilizadas pelo programa Uberlândia Integrada II.

Sobre a obra

Com a ordem de serviço assinada em junho de 2019, as obras do viaduto foram interrompidas em dezembro do ano passado após a empresa vencedora da licitação ter abandonado o serviço. Seguindo a legislação sobre contratações públicas, a Secretaria Municipal de Obras convocou de imediato as empresas habilitadas no processo licitatório. O novo contrato foi assinado com a BT Construções, que retomou o andamento da obra.

O viaduto da Conrado de Brito tem 35 metros de comprimento. Ele está sendo erguido sobre a linha férrea, entre as ruas Tito Teixeira e Manoel Gomes dos Santos. A obra vai favorecer o acesso à zona Leste de Uberlândia, incluindo as linhas do transporte público. Atualmente, o único viaduto existente na região é o da rua Paulo Frontin.

Uberlândia Integrada

Lançado inicialmente em 2011, o programa Uberlândia Integrada já contemplou diversas melhorias em infraestrutura e mobilidade urbana em sua etapa I, como o Corredor Estrutural Leste, Terminal Novo Mundo, Terminal Dona Zulmira e Terminal Jardins (obra em execução). Na segunda etapa, são mais de R$ 140 milhões em investimentos em mobilidade em todas as regiões. O programa contempla dezenas de intervenções viárias pela cidade, como a construção de viadutos, pontes, trevos, trincheiras, travessias e a execução de 263 km (mais de 168 ruas e avenidas) de recapeamento de vias de todas as regiões.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também