Notícias

Prefeitura irá retomar construção da ponte na avenida dos Mognos

Nova ordem de serviço foi assinada nesta sexta-feira (13) no Centro Administrativo Municipal
13 de agosto de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Valter de Paula - Secretaria Municipal de Gorveno e Comunicação

Seguindo o programa de melhorias na mobilidade urbana, a Prefeitura de Uberlândia retomará a construção da ponte na avenida dos Mognos sobre o rio Uberabinha. A nova ordem de serviço foi assinada nesta sexta-feira (13), no Centro Administrativo, pela Secretaria Municipal de Obras junto à construtora Grada LTDA, contratada sob licitação para ser a responsável para dar continuidade nos serviços. A empresa agora irá preparar e iniciar a montagem do canteiro de obras para, na prática, retomar os trabalhos nos próximos dias.

Localizada no bairro Daniel Fonseca, a ponte recebeu a primeira ordem de serviço em agosto de 2019, porém os trabalhos do local foram paralisados em dezembro de 2020, após a empresa vencedora da licitação ter abandonado o serviço. Na ocasião, a estrutura estava aproximadamente 60% concluída. Seguindo a legislação sobre contratações públicas, a Secretaria Municipal de Obras convocou de imediato as empresas habilitadas no processo licitatório, mas nenhuma demonstrou interesse por assumir a obra. Desta forma, o Município teve de realizar um novo processo licitatório para o serviço. 

“Respeitando as legislações vigentes, atuamos para que a obra pudesse ser retomada o mais rápido possível. Já temos a nova ordem de serviço assinada e a nova empresa atuará agora para mobilizar a mão de obra e maquinário necessários para que voltemos a trabalhar no local. Em breve, estaremos liberando mais essa importante intervenção para a mobilidade urbana da nossa cidade”, disse o secretário municipal de Obras, Norberto Nunes.

Estrutura

Mais uma intervenção viabilizada pelo programa Uberlândia Integrada II, a ponte da avenida dos Mognos sobre o rio Uberabinha ligará os bairros Jaraguá e Daniel Fonseca. A estrutura será um importante elo entre os setores oeste e central de Uberlândia, criando novas possibilidades de rotas para motoristas e transporte público.

A intervenção será também um importante apoio à avenida Getúlio Vargas, além de se tornar a única via que irá oferecer ligação direta às avenidas Rondon Pacheco, Marcos de Freitas Costa e bairros da região central, como Daniel Fonseca e Martins. A estimativa é de que 15 mil veículos possam trafegar pela região diariamente com a conclusão do viaduto.

Uberlândia Integrada II

Lançado inicialmente em 2011, o programa Uberlândia Integrada já contemplou diversas melhorias em infraestrutura e mobilidade urbana em sua etapa I, como o prolongamento da avenida Anselmo Alves do Santos, o Corredor Estrutural Leste e o Terminal Novo Mundo. Na segunda etapa, são mais de R$ 140 milhões em investimentos em mobilidade em todas as regiões.

O programa contempla dezenas de intervenções viárias pela cidade, como a construção de viadutos, pontes, trevos, trincheiras, travessias e a execução de 263 km (mais de 168 ruas e avenidas) de recapeamento de vias de todas as regiões.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também