Notícias

Halterofilista da CDDU/Futel chega à Vila dos Atletas dos Jogos Paralímpicos de Tóquio

Competição começa no dia 24 de agosto e Lara Lima compete já no dia 26, na categoria Feminino até 41 kg
19 de agosto de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Parte da delegação brasileira já deixou a cidade de Hamamatsu e chegou em Tóquio, na Vila dos Atletas. Entre eles está a paratleta Lara Lima (halterofilismo) e o treinador Weverton Santos (seleção brasileira de halterofilismo), ambos da equipe do Clube Desportivo para Deficientes de Uberlândia (CDDU) – associação parceira da Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel). Os jogos começam no dia 24 de agosto e Lara competirá já no dia 26, na categoria Feminino até 41 kg.

“Eu me preparei por anos para essa competição e a minha expectativa nos jogos é fazer o meu melhor. Espero voltar para Uberlândia com uma medalha, mas, caso isso não aconteça, ficarei muito feliz por ter participado do principal evento paralímpico do planeta”, destacou Lara, que aos 18 anos é a halterofilista mais jovem da competição.

Das associações parceiras da Futel, também estarão na competição Mateus Carvalho (bocha), Oscar Carvalho (assistente esportivo de bocha), Jovanna Costa (assistente esportiva de bocha) e Vander Fagundes (fisioterapeuta), todos da equipe CDDU/Futel, e ainda Rodrigo Parreira (atletismo), da Aparu/Futel.

Mateus Carvalho e Oscar Carvalho estreiam na competição no dia 28 de agosto, na bocha individual, e no dia 2 de setembro, na bocha por equipe. Já Rodrigo Parreira, compete no atletismo nos dias 30 de agosto, no salto em distância, e 3 de setembro, nos 100 metros rasos.

Além dos paratletas de associações parceiras da Futel, Uberlândia é representada na competição por paratletas do Praia Clube. Os convocados foram o tenista Gustavo Carneiro, os nadadores Gabriel Bandeira, Gabriel Melone, João Pedro de Oliveira, Laila Suzigan, Ruan Felipe de Souza e Vanilton do Nascimento Filho e o treinador Alexandre Vieira. Também de Uberlândia, estão na delegação brasileira o chefe de missão, professor Alberto Martins da Costa, e o coordenador técnico de halterofilismo, Silvio Soares dos Santos.

A delegação brasileira tem 256 atletas (incluindo atletas sem deficiência como guias, calheiros, goleiros e timoneiro), sendo 160 homens e 96 mulheres, além de comissão técnica, médica e administrativa, totalizando 431 pessoas. Os Jogos Paralímpicos de Tóquio acontecerão entre os dias 24 de agosto e 5 de setembro.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também