Notícias

Festival de Dança do Triângulo chega ao fim com a exibição de documentário e divulgação dos vencedores

Durante os cinco dias de evento, de forma remota, “Nos desafios de um novo tempo” trouxe dança, história e muita emoção
7 de novembro de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Divulgação/Secretaria de Governo e Comunicação

O Festival de Dança do Triângulo, realizado pela Prefeitura de Uberlândia por meio da Secretaria Municipal de Cultura, encerrou na noite deste domingo (7), com momentos especiais, tais como o lançamento do ‘Documentário Festival de Dança do Triângulo’, o espetáculo Epifania e a divulgação dos vencedores do Festival (Veja abaixo). A 28ª edição foi marcada pelo formato online, abordando o tema “Nos desafios de um novo tempo”.

Durante os cinco dias de evento, cinco espetáculos, 13 oficinas, 74 coreografias nas modalidades competitivas, não competitivas e dança e tecnologias, além de um corpo de jurados de destaque internacional.

Documentário comemorativo

O documentário narrou os 34 anos de história do Festival de Dança do Triângulo e foi lançado na tarde deste domingo (7), abrindo a última noite do festival.

O filme traz depoimentos de pessoas que estiveram nos palcos, nos bastidores e na plateia, como por exemplo, os produtores, dançarinos e membros das equipes técnicas que formataram os 34 anos de Festival e mostra uma analisa a trajetória do Festival até esse novo formato online, imposto pela pandemia.

Festival de Dança do Triângulo chega ao fim com a exibição de documentário e divulgação dos vencedores 1
Foto: Divulgação/Secretaria de Governo e Comunicação

“O ‘Documentário Festiva de Dança do Triângulo’ nos apresentou um apanhado da história dos 34 anos do evento. Mostrar como foi o Festival de dança, a maturidade e projeção que ele alcançou ao longo da sua história”, explicou a secretária de Cultura e Turismo de Uberlândia, Mônica Debs.

As gravações do documentário ocorreram nos espaços da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, como o Teatro Municipal, Oficina Cultural, Mercado Municipal, Casa da Cultura, Centro Municipal de Cultura e no estúdio da produtora responsável pela direção do vídeo, totalizando seis dias de gravações durante o mês de outubro de 2021.

O documentário se baseia nos depoimentos de 32 pessoas que passaram pelos palcos e bastidores do Festival de Dança do Triângulo.

Festival de Dança do Triângulo chega ao fim com a exibição de documentário e divulgação dos vencedores 2
Foto: Divulgação/Secretaria de Governo e Comunicação

Quem são os vencedores do 28º Festival de Dança do Triangulo

Premiação Mostra Amadora Competitiva

. Balé

1º LUGAR

Grupo Jovem Casa It – De tempo em tempo, de lugar à lugar      

2º LUGAR

Arte do Corpo – Words by the way

. Balé de repertório

1º LUGAR

Passo de Art Studio de Dança – Variação de repertório feminina Halerquinade

2º LUGAR

Centro Cultural Casa It – Variação de repertório feminina Halerquinade

3º LUGAR

Grupo Atividança – Kitri III Ato

. Dança a dois / Dança de Salão

1º LUGAR

William Luciano de Oliveira – Bordoneo Y 900

2º LUGAR

Academia Ritmo Dança de Salão – Sambazilla

. Dança Contemporânea

1º LUGAR

Grupo Jovem Casa It – Água

2º LUGAR

Centro Cultural Casa It – Ímpeto

3º LUGAR

Escola de Dança Praia Clube – Entretempos

. Dança de composição livre

1º LUGAR

Passo de Art Studio de Dança – Títere

2º LUGAR

Escola de Dança Malu Vidal – Trisquel

3º LUGAR

 Grupo Talentos – No mundo inteiro

. Danças étnicas, folclóricas ou populares

1º LUGAR

Estúdio Flamenco Veruska Mendes – Fandangos de Huelva

2º LUGAR

Núcleo Shams de Danças – Baladi ala Accordion

3º LUGAR

Estúdio Flamenco Veruska Mendes – Aires de Albaycín

. Jazz

1º LUGAR

Sonhart Studio Ballet – Pra onde?

2º LUGAR

Talentos Centro de Danças – Dueto fora do tom

3º LUGAR

Sonhart Studio Ballet – Amarras

. Sapateado

1º LUGAR

Grupo Atividança – A negociação

2º LUGAR

Gabriela Carolino de Paiva Sousa – Anabilisa, banaliza

. Melhor coreógrafo: Carol Segurado

MOSTRA PROFISSIONAL COMPETITIVA

. Solo Feminino

1º LUGAR

Escola de Dança Malu Vidal – Oitavo signo

Cia de Dança Bittencourt – Catarse – Uma tentativa de se manter sã

2º LUGAR

Thassia Camila Danças Orientais – Entrefases 

3º LUGAR

Escola de Dança Praia Clube – Minha raiz

. Duos ou trios

1º LUGAR

Berg Cia de Dança – Conexão

2º LUGAR

Gabryel Alves / Fábio Vladimir – Black and gold

3º LUGAR

Cia Aziza de Danças – Tarab em dueto

. Grupo

1º LUGAR

Estúdio Flamenco Veruska Mendes – Uma noite em Sevilha

2º LUGAR

Cia de Dança Bittencourt – Clube dos 27

3º LUGAR

Interpasso Cia de Dança – Vai vadiar

. Melhor coreógrafo: Veruska Mendes

PREMIAÇÃO MOSTRA DANÇA E TECNOLOGIA

1º LUGAR

Adrian Yuri – Olhares e suas multiplicidades

2º LUGAR

Mariane Araújo Vieira – Entranhas – Parte I

3º LUGAR

Aline Rocha – Sabotagem

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também