Notícias

Unidades de saúde do município abraçam campanha ‘Novembro Azul’

Várias ações estão sendo realizadas para conscientizar sobre a saúde do homem e formas de prevenção de doenças, principalmente do câncer de próstata
8 de novembro de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Danilo Henriques/Secretaria de Governo e Comunicação

Até o final de novembro – mês da conscientização dos homens sobre a prevenção ao Câncer de Próstata e dos cuidados com a saúde –, as equipes das unidades básicas de saúde do município realizam ações para reforçar com o público masculino a importância dos bons hábitos de saúde e frear o preconceito em relação aos exames do diagnóstico precoce da doença.

Serão realizadas palestras sobre assuntos relacionados à saúde do homem, bem como serviços, intensificação de consultas e solicitação de exames. Tudo para lembrar ao público masculino sobre a importância do diagnóstico precoce, conforme apontou a coordenadora da atenção primária, Karina Kelly de Oliveira. “O trabalho é feito todos os dias, mas o mês de novembro é um marco, onde chamamos a atenção para a saúde do homem. Os números mostram que a doença está aí e eles precisam fazer os exames de prevenção, além de cuidar da saúde de uma forma geral”, destacou.

Também serão ofertados teste rápido para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), avaliação de lesão de boca, aferição de pressão arterial e teste de glicemia capilar, abordagem em relação à alimentação saudável, entre outros.

Por evoluir lentamente, o câncer de próstata tem os sintomas percebidos quando já está em estágio avançado, dificultando o tratamento. Os principais sintomas desse tipo de câncer é a diminuição do jato de urina, dificuldades em urinar e uma mudança na frequência urinária, que aumenta.

Busca Ativa

Além das palestras nas unidades e da marcação de consultas para realização do exame de toque, é fundamental a análise do sangue, que é conhecido como PSA (Antígeno Prostático Específico). O ideal é que, a partir dos 50 anos, o urologista seja procurado anualmente para a realização desse e de outros procedimentos.

Neste mês, as equipes também vão intensificar a busca ativa dos homens nessa faixa etária que não realizaram os exames de PSA este ano. O objetivo é verificar a presença de câncer de próstata, bem como de outras doenças, como prostatite e lesões em geral.

Câncer de próstata e falta de informação

O câncer de próstata evolui lentamente. Sendo assim, os sintomas são percebidos quando a doença já está em estágio avançado, dificultando o tratamento. Os principais sintomas desse tipo de câncer é a diminuição do jato de urina, dificuldades em urinar e uma mudança na frequência urinária, que aumenta.

Como a maioria dos homens evita ir ao médico por temer descobrir alguma doença ou realizar algum exame específico, as orientações nas unidades do município durante as palestras nas salas de espera são para desmistificar e esclarecer a importância dos procedimentos. “Todas as unidades estão preparadas para recebê-los e orientar sobre todas as enfermidades, bem como preveni-las. Será um mês onde estaremos focados na saúde deles e reforçando a mensagem da importância da prevenção”, apontou a coordenadora Karina Kelly.

Ao todo, o município de Uberlândia tem 69 pontos de atendimento da atenção primária (UBS e UBSF), que estão mobilizados neste mês de conscientização. A coordenadora ainda ressaltou que todas as unidades estão preparadas, seguindo todas os cuidados de proteção contra a Covid-19, para recebê-los e orientá-los da melhor forma possível.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também