Notícias

Membros da Secretaria de Saúde de Itabira finalizam visita no Centro Vida

Equipe também conheceu estruturas do Hospital Municipal e da UBSF do bairro Novo Umuarama
16 de dezembro de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Cleiton Borges/Secretaria de Governo e Comunicação

Dando sequência à visita de representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Itabira, a equipe conheceu, nesta sexta-feira (16), as estruturas da Unidade Básica de Saúde da Família do bairro Novo Umuarama, do Hospital e Maternidade Municipal Dr. Odelmo Leão Carneiro (HMMDOLC) e do Centro Vida – Programa Municipal de Reabilitação em Saúde.  A equipe de Itabira é composta pela secretária Municipal de Saúde, Luciana Sampaio, a coordenadora de Gestão em Saúde, Fabiana Lima, e a Superintendente de Ações em Saúde, Alice Teixeira.

No Hospital Municipal, conheceram a estrutura, bem como a maternidade e o funcionamento da Rede Materno Infantil em Uberlândia. Já no Centro Vida, as visitantes acompanharam como é feito o atendimento dos pacientes pós-Covid e como funciona a integração entre a Atenção Especializada com a Atenção Primaria à Saúde para integralidade e continuidade do cuidado do cidadão.

A metodologia chamou a atenção da secretária de Saúde, Luciana Sampaio. “Esse manejo entre a atenção primária e especializada que foi implantada é uma boa prática a ser aplicada em Itabira. Além disso, nós temos também um centro de recuperação em Itabira e vimos que em Uberlândia há uma equipe multidisciplinar. E isso é primordial, principalmente o cuidado centrado nessa equipe. Todas essas melhorias podem ser replicadas”, destacou.

O Centro Vida é o primeiro de Minas Gerais com atendimento multiprofissional exclusivo para pacientes que foram diagnosticados com Covid-19, ficaram internados, e agora precisarão de cuidados contínuos.

Centro Colaborador do Conass

Desde 2017, Uberlândia desenvolve a padronização dos serviços de saúde por meio da Planificação da Atenção à saúde, denominado no município projeto Qualifica SaUDI, que veio para garantir o acesso da comunidade nas unidades de saúde e fortalecer a atenção primária na cidade. A iniciativa surtiu efeitos positivos, principalmente no fluxo de atendimento, redução do tempo de espera pelas consultas, ampliação do cadastro familiar e de estratificação de risco dos usuários, entre outros.

Os processos desenvolvidos motivaram o Conass a escolher Uberlândia para ser um Centro Colaborador, que têm o propósito de fortalecer e ampliar a cooperação técnica entre Estados e Municípios, facilitando informações e serviços, além de estimular e apoiar o treinamento e a pesquisa. Com isso, o município vira referência para outras localidades que queiram seguir os exemplos adotados por Uberlândia.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também