Notícias

Defesa Civil faz alerta de possibilidade de fortes pancadas de chuva

Em qualquer situação emergencial, a população deve ligar imediatamente para a Defesa Civil no 199, Corpo de Bombeiros no 193 ou Polícia Militar pelo 190
5 de fevereiro de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Imagem: Divulgação

 O alerta amarelo foi emitido na tarde deste sábado (5) pela Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec), formada pela Prefeitura de Uberlândia, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal (PRF), dentre outros. A previsão é de pancadas de chuva que poderão ser fortes para as próximas horas na cidade e na região.

Para toda a população, a orientação, em qualquer situação emergencial, é ligar imediatamente para a Defesa Civil no 199, bem como para o Corpo de Bombeiros no 193 e para a Polícia Militar no 190.

Também é recomendável que se evite trafegar em vias alagadas, procurando sempre rotas alternativas ou aguardando a chuva passar em local seguro.

Orientações da Defesa Civil:

Antes das chuvas 

*          Fazer manutenção nos telhados, desobstruir os canos das lajes, limpar as calhas, conferir se as telhas estão pregadas;

*          não jogar lixo ou entulho em bueiros, quintais e ruas. Sempre colocar os sacos de lixo nas lixeiras, evitando deixá-los diretos na calçada;

*          reforçar muros e paredes que tenham perigo de cair;

*          fazer revisões nas instalações elétricas;

*          desligar os aparelhos elétricos, quando perceber chuvas fortes acompanhadas de raios;

*          colocar móveis e outros pertences em lugares altos, caso sua moradia esteja localizada em locais sujeitos a alagamento;

*          acompanhar os boletins de avisos e alertas dos Institutos de Meteorologia pela internet ou pelos órgãos da imprensa.

Durante as chuvas

*          Manter-se atento aos níveis das águas;

*          manter portas e janelas da casa fechadas para evitar entrada de ventos fortes e animais;

*          não se proteger embaixo de árvores, pois elas atraem raios e, se houver granizo, é aconselhável se abrigar em lugares seguros, com boas coberturas;

*          não manusear nenhum equipamento elétrico ou telefone devido aos raios e relâmpagos;

*          não se arriscar ao atravessar a pé ou com veículos em ruas e pontes alagadas ou com enxurradas;

*          se a casa estiver em risco de alagamento ou desabamento, chamar imediatamente a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros;

*          em caso de alagamento, é recomendado evitar contato com as águas, pois além da contaminação que pode causar graves doenças, há também o risco de choque elétrico.

Depois das chuvas

*          Verificar as instalações elétricas antes de ligá-las;

*          fazer revisões de possíveis danos em moradias (paredes, telhados, etc);

*          ter cuidado com animais (aranhas, cobras e ratos em casa);

*          verificar se houve obstrução de ralos, bueiros e calhas.

Orientações aos motoristas

*          Evitar trafegar em vias alagadas, procurando sempre rotas alternativas ou aguardando a chuva passar em lugar seguro;

*          em dias nublados, evitar deixar os veículos estacionados próximos a árvores, principalmente as mais antigas;

*          não estacionar veículos em regiões íngremes e próximas a postes durante as chuvas;

*         durante a incidência de raios, a melhor proteção é permanecer no interior do veículo;

*          checar o bom estado dos limpadores, das borrachas das paletas e do motor dos limpadores;

*          certificar-se de que o desembaçador está funcionando corretamente;

*          ligar as luzes durante uma chuva intensa (mesmo que seja dia claro) para que outros motoristas vejam o veículo;

*          mais recomendações estão expressas no Plano de Emergência Pluviométrica (PEP).

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também