Notícias

Prefeitura abre cadastro de espaços artísticos municipais

Objetivo é fazer mapeamento cultural e atualização de base de dados; Espaços cadastrados validados poderão receber certificação com validade de dois
7 de março de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Imagem: Divulgação

Para atualizar e intensificar o mapeamento e a organização cultural da cidade, a Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, abriu um cadastro de espaços culturais do município. A inscrição irá compor a base de dados da Prefeitura com informações sólidas sobre os aspectos da cadeia produtiva artística, com o intuito de organizar e sistematizar informações relevantes do setor e utilizá-lo como norteador para a elaboração de políticas públicas para a cidade.

O cadastramento dos espaços culturais é livre, gratuito, colaborativo e poderá ser efetuado através do preenchimento de formulário do Google Forms (clique aqui). Encaixam no cadastramento espaços edificados destinados às práticas culturais e artísticas, produção e/ou consumo de cultura, em que haja atendimento de público, podendo ser administrados por pessoas físicas ou jurídicas, tais como teatros, cinemas, cineclubes, bibliotecas, casas de leitura e escrita, galerias de arte, museus, centros de cultura, escolas de artes, sede de associações culturais, de grupos de congadas, de grupos de folia de reis, de grupos de teatro, de dança e de outras manifestações culturais, entre outros.

Os locais inscritos serão submetidos à validação da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo com o preenchimento dos requisitos necessários, detalhados no edital (acesse aqui) e, em seguida, será emitida uma certificação com validade de dois anos.

Não entram na classificação os espaços que se dedicam apenas ao entretenimento como casas de shows, bares, restaurantes e outros espaços desprovidos de caráter artístico-cultural.

Demais informações, incluindo as exigências propostas, podem ser conferidas no Diário Oficial do Município (clique aqui). A pasta ressalta que o cadastro é um instrumento de consulta sem criação de vínculo ou obrigação contratual de qualquer natureza entre a Prefeitura e seu usuário.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também