Notícias

Uberlândia é a segunda melhor do Brasil em saneamento básico

Cidade se destaca pela cobertura no atendimento de água e esgoto e pelos investimentos no setor
22 de março de 2022

Uberlândia segue como referência em matéria de saneamento básico, com indicadores de destaque em nível nacional conforme o ranking do Instituto Trata Brasil divulgado nesta terça-feira (22), dia mundial da água. O município subiu uma posição e agora é o segundo melhor em tratamento de água e esgoto do país, se mantendo como o primeiro de Minas há mais de 10 anos consecutivos. Responsável pelo saneamento na cidade, o Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) está em primeiro lugar como melhor autarquia municipal do setor no Brasil.

O prefeito Odelmo Leão destaca que a continuidade de Uberlândia em posição de destaque no ranking é resultado de investimentos contínuos e planejamento a longo prazo. Mais de R$ 385 milhões foram investidos em saneamento desde 2005. “Sabemos que os investimentos em saneamento refletem diretamente na vida da população de nossa cidade. Devido ao nosso planejamento e visão de futuro, com a operação da Estação de Tratamento de Água Capim Branco, atualmente temos capacidade de produzir água para o dobro do número de habitantes na cidade. Seguimos investindo no tratamento de esgoto. Assim, conseguimos atrair investimentos, gerando mais empregos e renda”, afirmou. 

Já o diretor geral do Dmae, Adicionaldo dos Reis Cardoso, lembrou que Uberlândia tem um investimento médio anual por habitante de R$142,27, acima do investimento médio por município das 20 melhores cidades que foi de R$ 135,24. “Estamos atentos a todas as ações dos quatro pilares do saneamento básico, e seguimos concentrando investimentos no tratamento de esgoto e drenagem pluvial”, disse.

No ranking, a cidade obteve a nota máxima em atendimento total de água (100%), esgoto (98,22%), e tratamento de esgoto referente a água consumida (84,18%), ocupando a primeira posição. Também se destacou por ter uma baixa perda por faturamento (17,73%). O estudo foi feito com base nos dados mais recentes do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), referente ao ano de 2020.

Uberlândia é a segunda melhor do Brasil em saneamento básico 1

Ampliação do tratamento de esgoto

Atualmente, Uberlândia apresenta o índice de tratamento de esgoto de 84,18% referente ao volume gerado de água consumida. Este indicador está bem acima do índice nacional, que é de 50,75% de todo o volume de esgoto gerado, e da média dos 100 maiores municípios, que é de 64,09%.

No final do ano passado, a Prefeitura de Uberlândia assinou contrato com a Caixa, na linha de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), no valor de R$ 100 milhões para revitalização e ampliação da rede de água e esgoto da cidade, sobretudo, com melhorias na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Uberabinha. Uma obra que ampliará a capacidade da estação e modernizará as instalações para que a ETE possa atender a demanda atual e futura de tratamento de efluentes. Essas melhorias visam aumentar a capacidade de tratamento de efluentes da estação em mais de 30% e preparar a ETE Uberabinha para o crescimento habitacional em Uberlândia.

Saiba mais em: https://tratabrasil.org.br/pt/estudos/estudos-itb/itb/ranking-do-saneamento-2022

Ranking Saneamento

Série histórica do Ranking Trata Brasil

Ano (divulgação) Relativo(ano-base) Posição 
20052004
20072005
20082006
20092007
20102008
20112009
20122010
20132011
20142012
20152013
20162014
20172015
20182016
20192017
20202018
20212019
20222020
   

Veja Também