Notícias

Atletas de associações parceiras são convocados para Copa de Bocha

Competição será realizada no Rio de Janeiro, entre os dias 25 de abril e 2 de maio
18 de abril de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O paratleta Mateus Carvalho e o assistente esportivo Oscar Carvalho, ambos da equipe CDDU/Futel/Praia Clube, e o profissional de educação física da Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), Glênio Fernandes, da Aparu/Futel/Praia Clube, foram convocados pela seleção brasileira para a 1ª etapa da Copa do Mundo de Bocha Paralímpica, que será disputada na Arena Carioca 1, no Rio de Janeiro, entre os dias 25 de abril e 2 de maio. A competição deve reunir paratletas de diversos países e serve como preparação para o Campeonato Mundial de Bocha Paralímpica, que acontece em dezembro, também no Rio de Janeiro.

Antes da competição, a seleção brasileira terá uma fase de treinamento entre os dias 20 e 24 de abril, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. “Estou muito feliz por ter sido convocado e espero contribuir com a seleção da melhor maneira possível, para que assim possamos alcançar excelentes resultados”, disse o treinador Glênio Fernandes.

O paratleta Mateus Carvalho lembra que em junho acontece a 2ª etapa da Copa do Mundo de Bocha Paralímpica, em Portugal. “Nosso objetivo é focar nas competições e fases de treinamento que acontecem neste e nos próximos anos, sempre com muito orgulho por representar Uberlândia na seleção brasileira”, ressaltou.

As convocações de Mateus, Oscar e Glênio para a seleção brasileira têm sido frequentes e refletem a seriedade do trabalho desenvolvido pela Futel, que mesmo durante a pandemia manteve a rotina de treinamento de todos os paratletas de alto rendimento com chances de convocação para competições nacionais e internacionais.  No caso da bocha, a Futel disponibiliza aos paratletas a estrutura do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) para treinamento e profissionais de educação física para acompanhá-los e instruí-los em treinos e provas.

Aos 29 anos, o paratleta Mateus Carvalho é um dos principais nomes da bocha paralímpica brasileira e soma importantes conquistas nacionais e internacionais ao longo da carreira, como o bicampeonato brasileiro (2015 e 2018), medalhas de ouro na Copa América de pares e equipes (2015), prata (individual) e ouro (pares) no Campeonato Regional das Américas (2018), ouro (pares) na Copa América (2019), bronze (individual) e ouro (pares) nos Jogos Parapan-Americanos de Lima (2019) e ouro (individual) e prata (pares) na Copa América (2021).

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também

All articles loaded
No more articles to load