Notícias

Apoio da Prefeitura permite realização dos primeiros transplantes de fígado

Com apoio do Município, há auxílio para atendimento dos pacientes locais com exames e triagem; procedimentos ocorreram no UMC, que obteve autorização do Ministério da Saúde ano passado
29 de abril de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Após a assinatura do prefeito Odelmo Leão do termo para definição do fluxo de procedimentos e competências para efetivação do serviço de transplante de rins e fígado, a cidade registrou neste mês as duas primeiras cirurgias bem sucedidas de transplante de fígado. Os pacientes foram um idoso de 63 anos e um jovem de 23 anos, que receberam os órgãos de doadores que tiveram morte encefálica.

Os procedimentos ocorreram no Complexo Hospitalar Uberlândia Medical Center (UMC), que obteve, em fevereiro do ano passado, a autorização do Ministério da Saúde para fazer esse tipo de atendimento.

Com a habilitação do hospital da rede particular e o apoio da Prefeitura, é possível auxiliar o atendimento dos pacientes locais que integram a lista do MG Transplantes. Isso porque, antes de o paciente ser encaminhado ao centro transplantador, passa por exames iniciais para identificação do procedimento necessário e a triagem para compor a lista nacional. Além disso, o Município também coopera na busca ativa do doador.

“Esse é um marco para a Saúde de Uberlândia. A realização dos transplantes na cidade é uma forma de garantir qualidade de vida aos pacientes, pois quem precisa da doação não tem que necessariamente se deslocar para centros transplantadores de outras cidades”, destacou o prefeito Odelmo Leão.  

 Em 2017, o decreto 9.175 regulamentou a lei 9.434 de 1997 sobre transplante de órgãos, criando o Sistema Nacional de Transplante (SNT), que possibilitou o processo de interiorização dos centros transplantadores no país, até então restrito, invariavelmente, a capitais. O mesmo decreto estabelece que o município pode desenvolver mecanismos de cooperação para a execução dessas atividades.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também