Notícias

Bênção das Bandeiras marca início dos festejos do Congado em Uberlândia

Movimento cultural e religioso, de origem africana, ocorreu na igreja de Nossa Senhora do Rosário
10 de julho de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Um domingo (10) de celebrações e retomada de tradições. Assim foi o dia em Uberlândia para quem aprecia o Congado. A praça da igreja de Nossa Senhora do Rosário, localizada no Centro, recebeu congadeiros e moçambiqueiros, integrantes dos grupos de Congado, para a cerimônia de Bênção das Bandeiras. A festa, organizada pela Irmandade de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, que marca o início do tradicional festejo no município, contou com o apoio da Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

“A celebração do Congado tem uma importância significativa para toda a comunidade. A Irmandade está com novo comando, mas, percebemos que essa tradição, que perdura por quase 145 anos, segue sendo respeitada e consolidada. É uma atividade de ritmos, sons, cores e danças, acompanhada de muita fé e resistência”, comentou a secretária de Cultura e Turismo, Mônica Debs.

Ao longo da celebração, grupos de Congado alegraram as pessoas que passavam pelas ruas do Centro, ao se deslocarem em direção à igreja. Pelo caminho, mostras de expressões de devoção, fé, representatividade. A tradição, passada por gerações, segue sendo cuidadosamente perpetuada pelos herdeiros culturais.

Bênção das Bandeiras marca início dos festejos do Congado em Uberlândia 1
Foto: Danilo Henriques – Secretaria de Governo e Comunicação/PMU

A preservação do rito pôde ser notada, por exemplo, na família de Ivo William, capitão do Moçambique Estrela Guia, um dos grupos componentes do Congado local. “Tem 20 anos que faço parte do Congado. Agora, meus dois filhos também, além da minha esposa, que auxilia e sempre nos acompanha. Eu era bem jovem quando cheguei ao Moçambique Estrela Guia. É uma religião, representa nossa devoção à Nossa Senhora do Rosário e ao São Benedito. Fico feliz por todos nós estarmos aqui, levando a fé”, confidenciou.

Bandeira do Aviso

A Bandeira do Aviso, ou Bênção da Bandeira, marca o começo da Festa do Congado e tem o objetivo de mostrar para a comunidade que a celebração está, de fato, sendo iniciada. Durante os próximos dias, os grupos de Congado rezam terços e promovem leilões pelos bairros de Uberlândia, percorrendo as casas de devotos. A partir do dia 30 de setembro, acontecerão novenas na igreja de Nossa Senhora do Rosário visando os festejos dos dias 9 e 10 de outubro, quando a manifestação é celebrada.

Para o presidente da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, Denílson Nascimento, o movimento do Congado representa fé, luta e resistência da comunidade afrodescendente, ao mesmo tempo em que preserva raízes. “É uma festa tradicional, que faz parte da história de Uberlândia. É de pai para filho. Estou sucedendo o meu pai, que já foi presidente durante 45 anos. Meu avô também foi, por mais de 40 anos, e meu bisavô fez parte da fundação da nossa Irmandade”, contou.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também