Notícias

Cmad oferece assistência multidisciplinar para pacientes com diabetes tipo 1

Além de consulta em várias especialidades médicas, Centro de Referência ao Diabético também disponibiliza atendimento em podologia e curativos
20 de julho de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação

Pessoas diagnosticadas com Diabetes Tipo 1 precisam de acompanhamento multidisciplinar para terem qualidade de vida e manterem a doença sob controle. Em Uberlândia, o Centro Municipal de Atenção ao Diabetes (Cmad) é a referência para estes pacientes. Com oferta de atendimento clínico de várias especialidades, como fisioterapeuta, assistente social, endocrinologista, angiologista, ortopedista, a unidade tem, atualmente, 1.930 pacientes cadastrados e assistidos.  

 Para ter acesso aos atendimentos, os pacientes devem ser encaminhados pela unidade de saúde da sua área de abrangência. Ao chegar ao Cmad, o paciente é cadastrado para o acompanhamento médico e recebe todas as orientações necessárias para o tratamento. “Instruímos os pacientes e familiares sobre a doença, os cuidados com os pés, aplicação e importância do rodízio do local de administração da insulina, além das orientações sobre descarte adequado do material e acondicionamento da insulina na geladeira. Também disponibilizamos aparelho de glicemia capilar para os pacientes”, detalhou a gerente da unidade Laura Vidal. 

 Ambulatório do Pé diabético

Os cuidados com os pacientes diagnosticados com diabetes são amplos, pois são várias as complicações. Uma delas é de ordem circulatória, quando a glicemia não é controlada. Popularmente conhecida como pé diabético, essa condição provoca ferida nos membros inferiores que não cicatriza e infecciona, podendo levar à amputação dos membros afetados.

Para prevenir essa situação, o Cmad também conta com o Ambulatório do Pé Diabético, onde pacientes com diabetes tipo 1 e 2 são atendidos. Mensalmente, são realizados, em média, 600 atendimentos para curativos no ambulatório.

Após avaliação da equipe da Atenção Primária, os pacientes são encaminhados para fazer a análise da lesão e os curativos. “Caso seja observada a necessidade de avaliação ou acompanhamento de um angiologista ou de um ortopedista, fazemos o agendamento para este atendimento. E quando o paciente está com a situação controlada, ele é direcionamento novamente para a unidade de saúde de referência onde dará continuidade ao acompanhamento”, contou Laura. 

Cmad oferece assistência multidisciplinar para pacientes com diabetes tipo 1 1
Foto: Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação

Além dos curativos e atendimentos, o centro de referência é também onde os pacientes diagnosticados com Diabetes tipo 1 retiram os insumos e medicamentos para o controle da doença.  Os usuários com o tipo 2 pegam os insumos nas unidades de saúde da sua área de abrangência 

O Centro Municipal de Atenção ao Diabético (Cmad) está localizado na rua Tenente Rafael de Freitas, nº 530, no Bairro Patrimônio. O horário de funcionamento é das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Destaques

Veja Também

All articles loaded
No more articles to load