Notícias

Eventos em homenagem a Cora Pavan Capparelli compõe festividades do aniversário da cidade

Nesta quinta-feira (18), roda de conversa enaltece papel da musicista na história cultural de Uberlândia e antecede série de homenagens
17 de agosto de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A trajetória e legado da musicista Cora Pavan Capparelli são temas de Roda de Conversa, realizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SMCT), na Biblioteca Municipal – situada no Centro Municipal de Cultura. O evento é gratuito e ocorre nesta quinta-feira (18), às 17h30, sendo aberto à toda população.

O bate-papo aborda como as ações de Dona Cora despertaram a cultura, arte e desenvolvimento de Uberlândia. Entre os tópicos, destaca-se a visão e atuação da musicista para a criação de uma escola de música na cidade de Uberlândia, e como o seu projeto pedagógico musical reverberou na criação do Conservatório Estadual e da Faculdade de Artes.

A mediação é feita por Ruth Souza – graduada em Música pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e integrante do grupo de pesquisa Música, Educação, Cotidiano e Sociabilidade (MUSEDUC).

Nove décadas

Cora faleceu em 2021, aos 95 anos. Ao longo de nove décadas, foi uma das primeiras mulheres graduadas de Uberlândia. Pianista em essência, ela foi uma das fundadoras, em 1957, do Conservatório Musical de Uberlândia, passando a ser chamado Conservatório Estadual Cora Pavan Capparelli, em 1967. Atuou na Associação Pró-Música e contribuiu para a popularização da música erudita com a realização do Festival de Cordas.

Homenagens

No mês em que Uberlândia completa 134 anos, a história de Cora Pavan Caparelli é destacada na programação com homenagens em eventos que ocorrem na Casa da Cultura. De 22 a 29 de agosto, a população pode conhecer mais da história da musicista por meio da Mostra de Vídeo “Tons de Cora”, no Salão Azul. Já no dia 24, às 19h, a varanda da Casa da Cultura será palco de uma homenagem feita pelo Coral da Catedral de Santa Terezinha, com regência de Rossane Rossi. No mesmo dia, às 20h, a SMCT inaugura oficialmente a Sala Cora Pavan Capparelli, no Salão Nobre.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também