Notícias

Exposição com grafiteiros locais tem início no Centro Municipal de Cultura

Projeto ‘VIVAcidade” fez parte do projeto “Ruas que falam’, viabilizado pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC 2021)
17 de agosto de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Divulgação/PMU

A área interna do Centro Municipal de Cultura ganha características da arte urbana a partir desta quarta-feira (17), com a abertura da exposição “VIVAcidade”, que faz parte do projeto “Ruas que falam”. A mostra traz graffitis em telas, feitos por artistas locais. O projeto, que é estimulado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, foi um dos selecionados do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC 2021).

Na mostra, serão expostas obras individuais de 12 artistas: Daniel Gema, Dequete, Geleia, Joga, Julio Neguela, Kakko, Kali, Lucas Castro, Mariana Persi, Oelefante, Preta em Flor e Ronaldo Fly. Idealizado pela escritora e produtora cultural, Débora Costa, o projeto “Ruas que falam” contou com a construção de um livro que documenta a cena do graffiti em Uberlândia e que leva o mesmo título da exposição.

A exibição estará aberta para visitação até o dia 2 de setembro, de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h.

Mais graffiti

A iniciativa soma-se às obras da seleção, via seleção final de edital, de 23 propostas de intervenções artísticas inscritas por artistas individuais, coletivos artísticos ou grupos via edital. Desde o início do mês, quem passa pela área externa do Centro Municipal de Cultura (sentido Avenida João Naves de Ávila), pode apreciar obras fixadas no concreto externo do edifício.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também