Notícias

Fundinho Festival anima público na Praça Coronel Carneiro

Evento incentivado pelo PMIC reuniu bandas locais e nacionais de jazz e blues
4 de setembro de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Fotos: Cleiton Borges - Secretaria Municipal de Governo e Comunicação/PMU

Mais uma edição do Fundinho Festival trouxe o jazz e blues, gratuitamente, para Uberlândia com oito apresentações realizadas neste sábado (3), na Praça Coronel Carneiro. O evento realizado pelo Sistema Martins é viabilizado por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC), da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. 
A programação reuniu bandas de Araxá, Piracicaba, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro e Uberlândia, além de discotecagem em vinil. O grupo Stonehenge Blues, criado em 2016 e mesclando rock’n’roll e blues, representou a cidade e foi o sexto a subir no palco. 
“Estamos muito felizes, porque jazz e blues não tem tanto espaço e abertura, então sermos uma das bandas da cidade representando em um festival tão grande é sinal de que a banda está no caminho certo. Nada disso teria acontecido se não fosse o PMIC, que consideramos uma ferramenta muito importante, porque cultura não se faz sozinho”, destacou o baixista Fábio Masson. 

Fundinho Festival anima público na Praça Coronel Carneiro 1
Fotos: Cleiton Borges – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação/PMU 

Por falar em acesso à cultura, a estudante Ana Carla Garcia Medeiros marcou presença e salientou a importância da diversidade e gratuidade em eventos culturais. 
“Não são ritmos tão populares em Uberlândia e no Brasil e a gente não teria contato se não fossem essas políticas públicas culturais. É importante conhecer novos ritmos, a formação deles e de onde vieram na sociedade. Estou amando, está muito bonito e organizado para um rolê saudável”, afirmou. 
A edição de 2022 do Fundinho Festival trouxe as atrações: Merece Uma Agulha (Uberlândia-MG), Uberland Street Band (Uberlândia-MG), Bêjazz Street Band (Araxá-MG), Mississippi Devils (Ribeirão Preto-SP), Manga Rosa Quarteto (Araxá-MG), Stonehenge Blues (Uberlândia-MG), Du Rompa Hammond Trio (Piracicaba-SP) e Victor Biglione (Rio de Janeiro-RJ). 

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também