Notícias

Uberlândia é o segundo melhor município do Brasil em acesso à saúde

Levantamento geral do Ranking de Competitividade dos Municípios coloca cidade como a 26ª do Brasil; considerando índices de sustentabilidade e governança município ocupa a 8ª posição
14 de setembro de 2022
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais uma vez Uberlândia é destaque em um ranking de relevância nacional. Na terceira edição do Ranking de Competitividade dos Municípios, a cidade foi bem avaliada por apresentar potenciais sociais, econômicos e institucionais. No critério Acesso à Saúde, o município alcançou a segunda melhor nota do país. Já nas classificações geral e de desenvolvimento sustentável, Uberlândia aparece como a 26ª mais competitiva da nação e, quando analisado por índices ambientais, sociais e de governança, está na 8ª posição nacional.

“Essa conquista reflete algumas ações recentes da nossa gestão na atenção primária, função dos municípios, incluindo a construção ou inauguração de oito novas UBSFs, reforma de 11 UBSFs e UBSs, ampliação de duas UAIs e um Centro de Especialidades Odontológicas, bem como a existência do programa Mãe Uberlândia e seu aplicativo, que auxiliam as futuras mamães durante a gestação. Continuaremos trabalhando para melhorar ainda mais as condições e a qualidade de vida da nossa população”, afirmou o prefeito Odelmo Leão.

Após a divulgação do resultado, Uberlândia subiu seis posições no ranqueamento geral em comparação com 2021. No âmbito estadual, a cidade se configura como a segunda melhor classificada, atrás apenas de Belo Horizonte. Entre os diversos indicadores analisados, no acesso à saúde, por exemplo, foram avaliados itens como coberturas da atenção primária, de saúde complementar, vacinal e atendimento pré-natal.

O Ranking de Competitividade dos Municípios realiza a classificação a partir de detalhamentos de dimensões, pilares e indicadores. Um dos principais objetivos do levantamento é apoiar os líderes públicos em tomadas de decisões, com foco na melhoria da gestão das cidades, além de dar transparência aos serviços prestados à comunidade.

Sustentabilidade

O estudo ainda analisou pontos relativos ao desenvolvimento sustentável das cidades. Índices de valorização ambientais, sociais e de governança (ESG) credenciam Uberlândia como a oitava cidade mais bem pontuada do Brasil. Já para a análise geral de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU), com 169 metas a serem atingidas até o ano de 2030, o município é o 12º do país com maior desempenho, conforme o ranking.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também